Perfume para cachorro faz mal? Descubra!

Postado por PETZ, em Atualizado em Jan 18, 2019

Banho e Tosa
Perfume para cachorro faz mal? Descubra!
Tempo de leitura: 3 minutos

Em teoria, nada mais lógico do que um cachorro ter cheiro de cachorro. Mas, na prática, quem não gosta quando o pet retorna do banho bem limpinho e cheiroso, não é mesmo? Pensando nisso, além do banho, muitos tutores também gostam de fazer uso de perfumes no pet. Mas, você já se perguntou se perfume para cachorro faz mal? É hora de descobrir!

De fato, manter a higiene do cachorro em dia é muito importante. Isso, não só para saúde dos próprios pets, mas também porque é cada vez mais comum que eles durmam conosco em nossa cama, subam no sofá, e fiquem bem próximos da gente.

Perfume para gatos faz mal: sim ou não?

Diferente do banho, que ajuda a controlar a oleosidade corporal do pet e a manter a higiene dele, o perfume não é um produto de limpeza e seu uso não é essencial.

No entanto, de acordo com a Dra. Larissa Seibt, médica-veterinária da Petz, isso não faz dele um item proibido. “Não existe contraindicações no uso de perfumes para cachorro”, diz a especialista.

Ou seja, se você é do tipo que não resiste em colocar uma fragrância especial no pet e se pergunta posso passar perfume no cachorro todo dia, pode continuar fazendo isso sem culpa. Mas, para a segurança dele, a veterinária ressalta que é preciso fazer isso de maneira adequada.

Cuidados com o uso do perfume em cachorro

Ainda que não seja necessário para o bem-estar do pet, o perfume pode ser usado sem riscos, desde que sejam tomados alguns cuidados, conforme abaixo:

  •          Utilize somente produtos específicos para cachorros, verificando sempre se eles foram previamente testados e aprovados por veterinários;
  •          Aplique com moderação. Além do risco de causar irritação, o uso de perfume em excesso pode atrapalhar o olfato do cachorro, um sentido muito importante para ele;
  •          Tome cuidado para não borrifar o produto em áreas de mucosas, como olhos e narinas, que são mais pré-dispostas à irritação;
  •          Nunca aplique perfume em pele lesionada por feridas, coceiras, etc.;
  •          Evite aplicar o produto no pet diariamente. A permanência prolongada com o perfume pode causar irritação;
  •          Caso perceba qualquer reação adversa ao perfume – como coceira, vermelhidão ou queda de pelos – suspenda o uso imediatamente e procure um veterinário.

Para quem tem dúvidas quanto a usar ou não perfume de pessoas em cachorros, Larissa diz que o melhor é evitar a prática. “Por mais que a pele humana e a de nossos pets sejam, de certa forma, semelhantes, há diferença na fisiologia da pele, quantidade de pelos, pH, temperatura, secreção de gordura, entre outros fatores que podem interferir ou irritar a pele do pet”, diz a veterinária.

Como controlar o cheiro de cachorro sem perfume

Um dos motivos pelo qual muita gente recorre ao uso excessivo de perfumes é para diminuir o famoso “cheirinho de cachorro molhado” que alguns pets exalam entre um banho e outro.

Nesse sentido, é importante lembrar que cada pet tem seu cheiro natural. No entanto, se ele toma banho semanalmente e, mesmo assim, exala um odor forte e desagradável, o melhor a fazer é investigar as causas para isso.

Começando pela mais simples, a Dra. Larissa afirma que a própria escolha dos produtos utilizados durante o banho pode contribuir para adiar o surgimento de odores.

“Antes do banho, é preciso avaliar as características da pele do pet para, então, fazer a escolha do produto”, orienta. Como exemplo, ela cita que fatores como hidratação da pele, peso, porte e idade do cachorro como importantes na hora de decidir um produto adequado.

Além disso, certas raças, como o cocker spaniel, têm maior pré-disposição ao cheiro forte.

Caso o problema persista mesmo com a escolha apropriada de produtos, a veterinária diz que outras causas base comuns para o problema são o sobrepeso, endocrinopatias e dermatopatias, que aumentam a produção de gordura corporal. Por isso, se o seu filho de quatro patas anda mais “fedidinho” que de costume, aproveite para levá-lo para um check-up na clínica Petz mais próxima a você!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *