Como decorar um aquário: 5 dicas para um ecossistema mais bonito

Postado por PETZ, em Atualizado em Feb 20, 2019

Aquário
Como decorar um aquário: 5 dicas para um ecossistema mais bonito
Tempo de leitura: 4 minutos

Aquários são encantadores. E não há nada melhor para entusiastas de aquarismo do que ver seu equipamento em pleno funcionamento com os peixinhos nadando puramente. Mas, para quem ainda tem dúvidas de como montar o seu, a seguir, separamos 5 dicas de como decorar um aquário respeitando o ambiente de seus peixes!

1.  Pergunte-se de onde vêm os habitantes do aquário

A  primeira coisa a se pensar é a origem dos peixes. Com isso em mente, você pode escolher itens que remetam ao habitat dos seus amigos nadadores. Ao simular o ambiente natural dos peixes, seu aquário ganha mais realismo, atingindo aquele tão desejado efeito de “fundo do mar”!

Além disso, os peixes ficam mais tranquilos e familiarizados em lugares similares a seu habitat natural. Assim, você garante um aquário mais bonito e saudável.

2. Escolha o substrato mais apropriado

Se você já viu um aquário, percebeu que o seu “fundo” pode ser de diferentes materiais, certo? Pois saiba que, na hora de escolher, é preciso levar em conta muito mais do que somente a estética. Esse é um dos passos fundamentais para quem ainda não sabe como enfeitar um aquário.

Isso porque o substrato é um dos elementos fundamentais para o equilíbrio do aquário. Afinal, é nele que serão formadas colônias de bactérias benéficas ao ecossistema. Além disso, assim como todos os itens do aquário, eles também realizam trocas físicas e químicas com os outros elementos, podendo contribuir para a manutenção ou alteração dos parâmetros da água.

Aquários de ciclídeos africanos, por exemplo, se dão melhor com substratos de pedras calcárias, que alcalinizam a água. Mas, para não errar, uma dica é escolher um substrato neutro. O mais comum é o cascalho, geralmente feito de quartzo. Seja qual for o material escolhido, também é importante que ele seja atóxico e livre de substâncias nocivas. Por isso, compre sempre em lojas confiáveis.

3. Cuidado com as “pedras no caminho”

Encontrou uma pedra bonita e acha que ela ficará perfeita em seu aquário? Antes de colocá-la na água, é bom saber a sua origem. Para as pedras, o raciocínio é o mesmo do substrato: elas podem interferir no equilíbrio da água. Por isso, busque sempre pedras neutras, como o granito, o quartzo e a ardósia.

Ah! Também é necessário ter certeza de que a pedra está livre de toxinas, parasitas, etc. Sendo assim, o ideal é buscar sempre produtos especializados, como os que você encontra em nosso Pet Shop on-line e nas lojas físicas .

Ao posicionar a pedra, alguns pontos também merecem atenção. Se ela ficar muito apoiada no vidro, pode quebrar o aquário. Além disso, a pedra não deve atrapalhar a movimentação dos peixes e nem a circulação da água.

4. Como colocar plantas no aquário: aposte no uso de troncos

As plantas dão um ar todo especial para o aquário, já que, além de trazerem cor e movimento, muitas vezes ajudam a reproduzir o habitat dos peixes. No entanto, ter plantas embaixo d’água nem sempre é uma tarefa fácil, principalmente para aquaristas iniciantes. Como alternativa, que tal apostar no uso de troncos?

Bonitos e retorcidos, esses itens são ótimos para aumentar o realismo. Mas atenção! Assim como as pedras, eles também não podem ser coletados em qualquer lugar, sob o risco de contaminarem e/ou alterarem os parâmetros da água. Utilize somente troncos voltados para o aquarismo, que já vêm higienizados e são excelentes enfeites para aquários atóxicos.

5. Não tenha medo de elementos artificiais

Apesar de a decoração natural ser muito bonita e funcional, a decoração artificial pode ser uma boa escolha para quem busca decorar seu aquário de maneira mais simples. No entanto, alguns cuidados são importantes para garantir a segurança dos seus peixes.

Para começo de conversa, só coloque no aquário itens que sejam específicos para aquarismo, certificando-se que a tinta e o material utilizados neles são atóxicos e não alteram muito as condições da água. Fique atento também a objetos pontiagudos, já que eles podem cortar e machucar os peixes.

Por fim, procure não encher o aquário com muitas bugigangas. Lembre-se que a beleza e a grande razão de ser dos aquários são os peixes. Logo, o bem-estar deles deve sempre vir em primeiro lugar! Isso significa que os acessórios colocados no aquário nunca devem restringir o nado dos peixes ou atrapalhar a circulação da água.

Seguindo essas dicas, você dará um aquário saudável aos seus peixinhos. As lojas físicas e o Pet Shop on-line da Petz possuem itens variados, de origem certificada, para ajudar quem ainda não sabe como decorar um aquário de maneira sustentável. Se interessou? Venha nos fazer uma visita e converse com nossa equipe!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *