Quais são as cores do Husky Siberiano?

Postado por PETZ, em Atualizado em Nov 11, 2021

Cachorros
Quais são as cores do Husky Siberiano?
Tempo de leitura: 5 minutos

Há muitos motivos que nos fazem cair de amores por essa raça, desde as cores do Husky Siberiano até sua personalidade e, claro, seu charme! Esse pet encantador é natural de regiões frias e, talvez por isso, não é tão comum no Brasil. 

husky siberiano

Entretanto, a raça também possui sua legião de fãs e admiradores nas terras tropicais! Se você quer saber mais sobre ela, continue lendo. Aprenda aqui tudo sobre as cores do Husky Siberiano — na pelagem e nos olhos —, além de aspectos comportamentais e muito mais! 

Um pouco de história

Não é de hoje que o Husky Siberiano encanta por sua beleza e personalidade. Estudos indicam que essa é uma das raças mais antigas do mundo! Como seu nome indica, sua origem ocorreu na Sibéria, região norte da Rússia. 

De acordo com historiadores, ainda na Pré-História, os povos conhecidos como Chukchi começaram a domesticar lobos para ajudar em atividades do dia a dia. Assim nasceu o Husky Siberiano que, no início do século XX, se espalhou pelo mundo! 

Husky Siberiano: tipos de pelagem

A pelagem certamente é um dos traços mais marcantes desses pets. “Eles possuem uma pelagem densa e com dupla camada”, explica a Dra. Juliana Oliveira, médica-veterinária da Petz. 

Essa característica é comum em raças típicas de região fria e faz com que o pet suporte baixas temperaturas — além, é claro, de garantir um aspecto muito fofo! Se você está curioso sobre as cores do Husky Siberiano, fique atento: segundo a Dra. Juliana, há uma grande variedade, sempre com seu charme característico!

“Todas as cores são permitidas, desde o preto até o branco puro”, comenta. Além disso, a especialista lembra que as manchas brancas são muito comuns, com marcações na cabeça e no peito. Abaixo, separamos algumas das principais variações:

    • Husky Siberiano preto, com a pelagem toda em uma só cor;
    • Husky Siberiano branco, também com pelos em uma só cor; 
    • Husky Siberiano cinza com manchas brancas;
  • Husky Siberiano preto e branco com manchas na cor mais clara;
  • Husky Siberiano marrom-claro com manchas brancas;
  • Husky Siberiano Agouti, quando o pet contém uma mistura de tons, como preto, cinza e branco. Sua aparência é bem similar a de um lobo. 

Vale ressaltar que as cores do Husky Siberiano citadas acima são as mais comuns, mas ainda há outras variações. Afinal, cada pet é único, e é isso que torna os peludos tão especiais! 

husky siberiano na neve

As cores dos olhos também possuem variações

Outra característica muito lembrada da raça são as cores dos olhos. Geralmente, são de um azul-claro intenso, o que encanta tutores de todo o mundo! 

Porém, a Dra. Juliana explica que há mais diversidade do que se imagina. “As cores dos olhos podem ser marrons ou azuis”, comenta. Ou seja, não são só os pets de olhos claros que são considerados raça pura. Além disso, a especialista lembra de dois fenômenos comuns. 

Primeiro, temos casos de Husky Siberiano com heterocromia, quando os olhos são de cores diferentes. Ela é bem frequente no pet e, geralmente, encontramos pets com um olho azul e outro marrom. 

Por fim, há ainda os olhos particoloridos, quando o cão possui manchas de duas cores ao mesmo tempo. Toda essa variedade contribui ainda mais para a beleza dessa encantadora raça! 

Como cuidar da pelagem de um Husky Siberiano

A pelagem, que pode ser vista nas variadas cores de Husky Siberiano, é um dos fatores que torna esse pet tão especial. Entretanto, é necessário estar atento, já que esta característica também pode trazer desconforto para o cão. 

Conforme explica a Dra. Juliana, essa é uma raça originária de países nórdicos, onde a temperatura é bem mais baixa. “Sua pelagem densa possui dupla camada, o que gera um grande estresse térmico quando exposta a altas temperaturas”, explica. 

Por isso, em um país tropical como o Brasil, os cuidados devem ser redobrados! Consulte os principais procedimentos abaixo:

  • evite temperaturas altas: em dias de calor intenso, não passeie com seu pet durante o sol forte. Procure realizar atividades antes das 10h ou depois das 16h, quando o clima já está mais ameno; 
  • ofereça hidratação: beber água é essencial para uma boa saúde! Dê sempre um pote com água fresca para seu Husky Siberiano se refrescar e se manter saudável; 
  • escove diariamente: a escovação é uma atividade essencial para os pets, especialmente os mais peludos! No caso dessa raça, é importante que seja realizada diariamente para retirar o excesso de pelos e, assim, evitar o calor excessivo; 
  • seque bem após o banho: a pelagem dupla do Husky é especialmente densa e, por isso, pode contribuir para doenças como fungos e alergias. Para evitar o problema, é importante secar bem o pet após o banho ou atividades na água; 
  • utilize apenas produtos específicos para a pets: nossos amigos de quatro patas possuem suas próprias necessidades quando o assunto é banho e tosa! Por isso, devemos utilizar apenas produtos próprios para pets em seus cuidados. Esse passo evita o desencadeamento de alergias e irritações. 

Além dos cuidados acima, lembre-se de levar seu pet ao veterinário regularmente! Caso perceba algum sintoma ou alteração comportamental, procure um especialista. 

Sintomas de doenças de pele

Como as cores dos olhos e dos pelos são tão marcantes, qualquer alteração é muito visível. Nesse sentido, muitos tutores se perguntam se uma mudança de cor é sinal de atenção. 

A Dra. Juliana explica que, durante seu desenvolvimento, o pet troca de pelos e, com isso, é comum que suas cores se alterem um pouco durante o primeiro ano. Os olhos também podem ficar um pouco mais claros durante o amadurecimento. 

É como uma fase “adolescente” dos cachorros, quando eles ganham sua aparência adulta! Porém, a especialista explica que mudanças em coloração de pelos ou olhos podem, sim, ser um sinal de alerta! 

“É importante frisar que qualquer alteração que venha associada a outros sintomas clínicos como queda de pelos, falhas, prurido, dor, secreções, déficit visual ou que ocorra de forma abrupta ou progressiva devem ser avaliadas por um médico veterinário capacitado”, comenta a especialista. Por isso, fique atento ao seu peludo e, em caso de dúvidas, procure um profissional. 

husky siberiano com sua tutora

Agora que você já sabe mais sobre as cores do Husky Siberiano e outras curiosidades, pode cuidar do seu amigo com mais cuidado e carinho! Tem mais alguma dúvida sobre a raça? Deixe nos comentários e veja mais conteúdos aqui, no blog da Petz. Ficaremos felizes em responder!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *