15 espécies de plantas tóxicas para gatos

Postado por PETZ, em 30/04/2020

Curiosidades
15 espécies de plantas tóxicas para gatos

Uma casa repleta de verde é o sonho de muita gente. Entretanto, algumas flores podem ser prejudiciais para nossos amigos peludos. É importante conhecer quais as plantas tóxicas para gatos a fim de não colocar em risco a saúde do seu bichano. 

planta verde

Com essa informação, fica mais fácil decorar a casa sem prejudicar o bem-estar dos animais. Para quem se preocupa com a saúde do filho de quatro patas, preparamos um guia com 15 plantas tóxicas para gatos. Continue lendo para conhecer.

Sinais de intoxicação

Evitar que o bichano chegue perto das flores venenosas para gatos é o principal passo para garantir sua segurança. Entretanto, os peludinhos são espertos e silenciosos. Muitas vezes, conseguem se esgueirar até o jardim e mordiscar uma plantinha sem ninguém perceber. 

Por isso, tão importante quanto conhecer as plantas venenosas para gato é saber como perceber os sinais de intoxicação. De acordo com especialistas, quando um bichano entra em contato com uma planta venenosa, ele apresenta os seguintes sintomas: 

  • Vômito;
  • Diarreia;
  • Apatia;
  • Perda de apetite; 
  • Irritação na pele;
  • Convulsões,
  • Perda da coordenação motora. 

Os sinais acima podem aparecer em qualquer bichano. Entretanto, devemos lembrar de que cada organismo reage de uma forma. A gravidade do gato intoxicado vai depender da idade, tamanho e peso do felino, além da quantidade de planta ingerida.

Também vale ressaltar que as plantas não causam todos os sintomas ao mesmo tempo. Algumas geram uma irritação leve, enquanto outras podem levar à morte. Tudo depende da espécie e quantidade ingerida. 

Entendendo as reações

Antes de falarmos das flores tóxicas para gatos, é importante entender que cada uma vai agir de um jeito no organismo do pet. Assim, podemos dividir as reações em alguns tipos. 

Essa é uma maneira de entender o que acontece com o organismo do pet quando ingere a planta. Entretanto, algumas espécies podem atuar de mais de uma forma, gerando sintomas mais graves. Os tipos de reação causados por planta venenosa para gatos são: 

  • Reações cutâneas: alergias e irritações de pele. Nem sempre são causadas por ingestão da planta, às vezes, o simples contato pode causar incômodo ao pet; 
  • Reações digestivas: vômito, diarreia, gastrite e outros problemas digestivos. Pode ser bastante grave dependendo da intensidade, 
  • Reações neurológicas: talvez o quadro mais grave, esse tipo de reação afeta o cérebro e o sistema neurológico. Pode causar convulsões, perda de coordenação motora e até mesmo morte. 

gato na floresta

As reações acima podem aparecer sozinhas ou em conjunto, de maneira leve ou severa. Independentemente dos sintomas de intoxicação em gatos, procure um veterinário sempre que o pet entrar em contato com uma planta tóxica. É a melhor forma de garantir uma ajuda rápida e eficiente. 

Plantas tóxicas para gatos

Abaixo, listamos 15 plantas tóxicas para gatos e quais reações elas costumam causar nos bichanos. Precisamos lembrar, entretanto, de que isso não significa que tais plantas estão proibidas nas casas dos gateiros. 

Colocando-as longe do alcance do amigo de quatro patas, você, provavelmente, conseguirá manter o animal seguro sem jogar seu vaso fora. Fique de olho e veja como ajudar seu amigo:

1. Copo-de-leite

Essa bela e singela planta se destaca pelas flores brancas com um pêndulo dourado. Muito apreciada pelos decoradores, o copo-de-leite deve ser mantido longe não só dos gatos, mas também de crianças. A flor, as folhas e os caules são venenosos e causam irritação, dificuldade de engolir e salivação excessiva.

2. Antúrio

Outra favorita dos decoradores, o antúrio possui uma linda flor vermelha com uma haste amarela. Apesar de linda, é uma planta tóxica para gato, e os tutores de bichanos devem estar de olho. Causa irritação, dificuldade para engolir, vômitos e diarreias. 

3. Espada-de-São-Jorge

A espada-de-São-Jorge é muito popular nos lares brasileiros não só por sua beleza. A planta, supostamente traz proteção e boas energias para o lar. Apesar disso, deve ser mantida longe dos pets. Pode causar irritação, salivação excessiva e dificuldade de engolir. 

4. Violeta

Com flores delicadas e belas, a violeta também faz sucesso e está presente em muitos lares brasileiros. Mas não se engane: apesar de pequena, é uma planta que faz um estrago danado nos bichanos. Caso ingerida, pode causar gastrite, diarreia, vômito e problemas respiratórios.

5. Cyclamen

Também chamada de ciclame-da-Pérsia, é uma planta bonita e delicada que se destaca pelas flores coloridas. Apesar de ser considerada uma das plantas tóxicas para gatos, o maior problema do cyclamen está em sua raíz. Se ingerida, causa problemas estomacais graves, levando a vômitos, diarreia e gastrite. 

6. Lírio

O lírio possui uma flor exótica, chamativa e comumente utilizada em buquês e arranjos. Entretanto, representa um grande perigo para os pets. Todas as partes da planta são venenosas e causam irritação, salivação excessiva, dificuldade de engolir e problemas respiratórios. 

Em alguns casos, causa até mesmo problemas neurológicos, como convulsões e dificuldade motora. Portanto, só tenha a planta em casa se ficar exposta em local de difícil acesso ao animal.

7. Bico-de-papagaio

Com uma bela tonalidade de vermelho e verde, o bico-de-papagaio é muito popular em decorações natalinas. Entretanto, não importa a época do ano, mantenha o bichano longe do bico-de-papagaio, já que esta é uma das plantas tóxicas para gatos. 

Apenas o contato com as folhas pode causar irritação. Além disso, se ingerida, causa problemas digestivos graves, como diarreia, gastrite e vômito. Então, mantenha a planta longe dos gatinhos.

8. Azaleia

Formando belos arbustos de flores, a azaleia é muito popular nos jardins, quintais ou até mesmo vasos grandes. Sua beleza, entretanto, esconde um enorme perigo para os pets. 

Visto que é uma planta tóxica para gatos, pode causar vômito, diarreia, convulsões e perda da coordenação motora. Aliás, em alguns casos, a ingestão de azaleia pode levar até mesmo à morte.

9. Dracaena

Muito comum em ambientes internos, a dracaena é uma planta elegante, com folhas em diferentes tons de verde. Apesar de ser muito versátil, a dracaena deve ser mantida longe dos pets. Se ingerida, causa vômitos, gastrite e apatia. 

10. Comigo-ninguém-pode

O próprio nome da planta já indica que esta não é flor que se cheire. A comigo-ninguém-pode é tóxica não só para gatos, mas também para todos os outros membros da família. Causa irritação, ardor, salivação excessiva e dificuldade de engolir.  

11. Tulipa

As belas tulipas são um símbolo de elegância e bom gosto. Com um caule longo e uma flor de cor forte, são muito utilizadas na decoração. No entanto, sua ingestão pode causar irritação, vômito, diarreia e dificuldades respiratórias. 

12. Philodendron

Outra planta muito utilizada em ambientes internos, o philodendron é muito versátil e precisa de poucos cuidados. Possui um belo tom de verde e, geralmente, é uma planta pendular que se adapta muito bem a vasos. Caso ingerida, causa irritação, excesso de saliva e dificuldade para respirar.

13. Hortênsia

A hortênsia é uma flor muito conhecida graças à sua beleza e versatilidade. Apesar de ser uma das queridinhas dos brasileiros, também está na lista das plantas tóxicas para gatos. A ingestão da hortênsia provoca vômito, diarreia e gastrite. 

14. Dama-da-noite

A misteriosa dama-da-noite contagia o ambiente não só com sua beleza, mas também com o doce aroma que exala durante as noites. Seu nome indica o comportamento, já que a flor se abre apenas após o pôr do sol. É tóxica para gatos e causa náuseas, diarreia, vômitos e problemas neurológicos.

15. Aspargo-samambaia

Esse tipo de samambaia se caracteriza por ter uma coloração mais clara, com folhas bem pequenas e finas. Sua aparência charmosa passa uma sensação de leveza e simplicidade. Entretanto, o aspargo-samambaia ataca o sistema sanguíneo, levando à anemia.

O que fazer em caso de intoxicação?

Agora que você já conhece as plantas tóxicas para gatos e sabe que deve mantê-las longe, é importante saber que, caso ocorra um acidente e seu bichano se intoxique, você deve procurar um veterinário imediatamente. 

A Dra. Renata Brunetto, médica-veterinária da Petz, explica que nunca devemos oferecer itens caseiros ao pet. A ingestão de produtos sem a supervisão de um veterinário pode ser prejudicial e, em alguns casos, dificultar o tratamento correto. 

gato olhando para a câmera

Caso note que o bichano mordiscou uma planta tóxica, comunique o veterinário. Outra dica é saber qual planta o felino comeu. Pois conhecer a origem da intoxicação em gatos é muito importante para uma recuperação rápida e efetiva. 

Se você está procurando mais conteúdo sobre saúde e bem-estar animal, confira o blog da Petz e fique por dentro de tudo relacionado ao mundo pet.

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

#

Próximo evento