Porquinho-da-índia grávida: como notar a gravidez e o que fazer para ajudar

Postado por PETZ, em Atualizado em Jul 6, 2020

Dicas
Porquinho-da-índia grávida: como notar a gravidez e o que fazer para ajudar
Tempo de leitura: 5 minutos

Ter uma mascote porquinho-da-índia grávida pode ser um pouco raro. Afinal, na maioria das vezes, esses pets vivem sozinhos com os tutores. Entretanto, caso você tenha um casal de roedores em casa, deve se preparar para receber os filhotes.

casal de porquinho-da-índia

Perceber a gravidez é o primeiro passo, mas também é importante conhecer a rotina para tudo ocorrer bem quando os bebês nascerem! Por esse motivo, preparamos um guia com tudo o que você precisa saber sobre porquinho-da-índia.

Como é a gravidez

Porquinhos-da-índia são pets encantadores, mas também bastante delicados e que precisam de atenção. No caso da gravidez, não é diferente. Além do fato da porquinho-da-índia grávida precisar de cuidados especiais, os bebês trazem uma grande responsabilidade. 

Assim, os veterinários não recomendam a procriação de porquinhos-da-índia em casa, a não ser em casos especiais, como quando a pet já chega grávida ao novo lar. Por isso, caso você tenha um casal de roedores e esteja pensando em ter filhotes, a recomendação é buscar a ajuda de um especialista em pets exóticos. 

Mas é importante conhecer as roedoras a fim de evitar algum risco aos filhotes e à futura mamãe. Então, saiba algumas das características da gestação de porquinho-da-índia:

  • Maturidade sexual: os porquinhos-da-índia podem engravidar com apenas um mês de vida. Entretanto, o recomendado é que isso aconteça a partir dos seis meses, quando a mamãe já está mais desenvolvida;
  • Cio: após a maturidade sexual, as fêmeas entram no cio a cada 15 dias, e esse período dura até 48h; 
  • Quanto tempo o porquinho-da-índia fica grávida: entre 55 e 72 dias, podendo variar de acordo com o número de filhotes, 
  • Filhotes por ninhada: em cada ninhada nascem de 1 a 6 filhotes, em média.

Como é possível perceber, a gravidez de porquinhos-da-índia pode ser rápida e frequente. Assim, é recomendado manter os casais em gaiolas independentes para evitar uma gestação indesejada. 

Sinais da gravidez

Como saber se a porquinha-da-índia está grávida pode ser um desafio. Isso porque sua gravidez não é muito longa e, muitas vezes, os sinais não são tão claros, principalmente nos primeiros dias. Entretanto, um tutor atento poderá notar facilmente se sua pet terá bebês, basta ficar atento a alguns sinais. São eles: 

Mudança de comportamento

O primeiro sinal de porquinho-da-índia prenha é a mudança de comportamento. Quando estão esperando bebês, as roedoras ficam mais ariscas, agressivas e apáticas. Assim, se sua amiga parou de brincar na gaiola e está recusando os carinhos habituais, fique atento. 

Aumento de fome e sede 

A gravidez não será um período fácil, e a futura mamãe sabe disso. Por esse motivo, um dos sinais de porquinho-da-índia prenha é o aumento da fome e da sede. Portanto, é importante fornecer tudo que sua amiga necessita, para que ela tenha uma gestação saudável. 

Aumento de tamanho 

Outro fator que indica porquinho-da-índia grávida é a mudança em sua aparência. Como tal roedora é pequena, qualquer alteração de tamanho será fácil de observar. E, com a gravidez, é natural que sua amiga passe por transformações. 

Um ponto curioso é que elas ficam com o chamado “formato de pera”. Como sua barriga natural já quase encosta no chão, a futura mamãe cresce para os lados, ganhando um aspecto bem diferente. 

Mamilos mais aparentes 

A porquinho-da-índia grávida não está se preparando apenas para o nascimento, mas também está planejando cuidar do bebê. Como os roedores são mamíferos, os mamilos ficam mais aparentes, sendo possível notá-los facilmente através dos pelos. 

Cuidados com porquinho-da-índia grávida 

Caso você note que sua dentucinha esteja grávida, o recomendado é sempre buscar o auxílio de um veterinário. Entretanto, algumas práticas serão necessárias para garantir maior tranquilidade durante a gestação do porquinho-da-índia. São eles: 

  • Alimentação: ofereça a ela uma ração de qualidade e em uma quantidade maior que a habitual. Lembre-se de que a futura mamãe precisa estar forte. Além disso, disponibilize feno e outros petiscos para agradar ao pet;
  • Manipulação: evite tocar na roedora durante o período da gravidez. Além do porquinho-da-índia ficar mais arisco durante essas semanas, uma manipulação descuidada pode prejudicar os bebês,
  • Ambiente: deixe o pet em um espaço tranquilo e calmo. Se necessário, leve a gaiola para um cômodo menos movimentado e evite barulhos próximos à futura mamãe. 

porquinho da índia branco e laranja

O que fazer no momento do parto

Quando chegar o grande dia, é importante estar atento à saúde da sua pet. Na maioria das vezes, o parto ocorre sem grandes dificuldades e, em pouco tempo, os filhotinhos já estão alegrando a casa. Entretanto, há casos em que complicações podem ocorrer, sendo necessária a intervenção de um veterinário. 

Mas isso não significa que você deve ajudar durante o parto! A dica é monitorar a gravidez e, a partir do 50° dia, estar sempre atento à sua amiga. Ao perceber que ela vai dar à luz, deixe-a tranquila, mas fique de olho em seu comportamento. 

Caso perceba que o porquinho-da-índia está sangrando muito, fazendo muito esforço  ou haja outro sinal de dificuldade, procure imediatamente um veterinário. Assim, o parto da mascote será mais seguro e sem grandes riscos.

Primeiros dias com os bebês

Os bebês porquinhos-da-índia, diferentemente de outros mamíferos, já nascem bem crescidinhos. Então, se prepare para receber filhotes fofos, de olhos abertos e alguns até com dentinhos.

Porém, é necessário que eles fiquem exclusivamente com a mãe durante os primeiros dias. Por mais que sejam irresistíveis, não é recomendado pegar os bebês no colo, pois a saúde dos filhotes ainda é frágil e a mãe pode não gostar dessa interação. 

Ainda nos primeiros dias, eles já poderão comer ração e beber água. É recomendado separar os filhotes cedo, ou seja, aproximadamente, na quarta semana. Como as fêmeas atingem a maturidade sexual muito jovens, você corre o risco de lidar com uma nova ninhada rapidamente. 

porquinho-da-índia peludo

Agora que você sabe cuidar de porquinho-da-índia grávida, confira o blog da Petz para outros conteúdos de bem-estar e saúde animal!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *