Como comprar gaiola para pássaros: 7 dicas para não errar

Postado por PETZ, em 29/06/2021

Aves
Como comprar gaiola para pássaros: 7 dicas para não errar

Assim como é impossível ter um peixe sem um aquário, é difícil imaginar um pássaro em casa sem uma gaiola. Por isso, tão importante quanto escolher a espécie de ave que mais combina com você, é saber como comprar gaiola para seu pet.

dois pássaros na gaiola

Para você escolher a gaiola ideal para seu passarinho, separamos sete dicas fundamentais. Assim, você garante um habitat adequado para seu pet ficar bem à vontade. Confira a seguir!

1. Conheça os hábitos do seu pássaro

Canario, calopsita, trinca-ferro, curió, periquito, papagaio ou agapornis, cada um dos pássaros corresponde a uma espécie diferente. Sendo assim, nada mais natural que tenham hábitos diversos, não é mesmo?

Isso significa que, enquanto alguns precisam de espaço para voar, como os canários e os trinca-ferros, outros gostam muito de escalar, como os psitacídeos. Isso deve ser levado em conta na hora de comprar uma gaiola. Conhecer os hábitos naturais do seu pássaro ajuda a determinar com qual dos diferentes tipos de gaiola ele se adaptará mais rápido. 

2. Calcule bem o tamanho da gaiola

Como regra geral, a gaiola deve permitir que a ave abra completamente as asas sem encostar nas grades. Porém, essa condição está longe de ser a ideal. Isso porque ela pode favorecer o surgimento de doenças físicas e comportamentais.

Por isso, a gaiola para pássaros deve ter, no mínimo, o dobro do tamanho da ave com as asas abertas. Lembrando que, além do passarinho, a gaiola deve acomodar outros acessórios com folga, como comedouro, bebedouro e brinquedos. Ou seja, a dica é comprar gaiola do maior tamanho que o seu espaço e o seu orçamento permitirem.

3. Tome cuidado com o espaço entre as barras

Na hora de adquirir a gaiola, outra orientação importante é o espaço entre as barras. Por exemplo, se você for comprar uma gaiola grande para um pássaro pequeno, é interessante verificar se as barras não estão separadas demais, o que pode facilitar uma fuga.

Por outro lado, barras muito justas podem fazer com que a ave prenda os pés ou a cabeça e se machuque. Por isso, opte por grades com espaçamento mediano em relação ao tamanho do seu pássaro.

pássaro amarelo na gaiola

4. Atente-se ao material da gaiola

Por conta do preço mais acessível, as gaiolas de madeira são uma das opções favoritas dos tutores. Porém, você sabia que elas não são adequadas para todas as espécies? 

Os psitacídeos, por exemplo, são aves que gostam muito de bicar. Por isso, acabam destruindo com facilidade esse tipo de gaiola, contribuindo para fugas e acidentes. A gaiola de ferro é uma boa opção para esses passarinhos.

Já outras espécies, como o trinca-ferro, se dão bem com a madeira. Gaiolas de arame e pintura epóxi também são ótimas opções. Além de não enferrujar ou descascar com facilidade, esse material facilita bastante a limpeza.

5. Fique atento aos acabamentos

Ao comprar gaiola, lembre-se de verificar se ela não possui pontas soltas ou mal acabadas, que possam machucar o pássaro. Também veja se não tem nenhum tipo de metal pesado que possa causar intoxicação ou peças que possam ser ingeridas. Além disso, ao comprar brinquedos ou acessórios para a gaiola, garanta itens atóxicos.

No caso das estruturas que já vêm com poleiros, como a gaiola para calopsita, o melhor é que eles sejam mais grossos e, de preferência, de madeira, imitando galhos de árvores. Além de serem mais confortáveis para os pássaros, eles dão maior estabilidade, evitando doenças futuras, como a artrose.

6. Prefira comprar gaiolas com fechos e travas

Algumas espécies de passarinhos, como os periquitos, são curiosas e gostam muito de bicar. Consequentemente, têm a tendência de abrir as travas da gaiola. Pensando nisso, prefira gaiolas com fechos e travas resistentes. Se for possível, teste a eficácia desses itens antes de levar o produto para casa. 

7. Pesquise bem antes de comprar gaiola

Na hora de comprar gaiola, não se esqueça de colocar tudo na ponta do lápis para garantir o melhor custo-benefício, ou seja, analise o material e o tamanho mais adequado a um preço justo.

A praticidade também deve ser levada em conta: pense no que se encaixa melhor na sua rotina como tutor. Ter uma gaiola com fundo removível, por exemplo, reduz bastante o tempo de limpeza. Já as gaiolas de arame são mais fáceis de limpar que as de madeira. 

Quanto aos tamanhos de gaiola, quanto maior ela for, menor serão as chances de sua ave ficar estressada e doente. Isso sem contar que gaiolas maiores permitem mais enriquecimento ambiental (impulsionado por brinquedos e acessórios), o que ajuda a manter o pássaro mais entretido e saudável.

gaiola de pássaros

Esperamos que as nossas dicas tenham ajudado você a decidir qual gaiola levar para casa. Se quiser mais dicas e informações interessantes sobre passarinhos ou outros bichinhos de estimação, continue acompanhando o blog da Petz!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *