O que porquinho-da-índia pode comer?

Postado por PETZ, em Atualizado em Feb 4, 2021

Espécies
O que porquinho-da-índia pode comer?
Tempo de leitura: 4 minutos

Saber o que porquinho-da-índia pode comer é fundamental para um tutor garantir a esses roedores uma nutrição completa. Com hábito alimentar diferente de outros roedores, como hamsters e twisters, os porquinhos-da-índia são pets totalmente herbívoros, o que significa que se alimentam exclusivamente de plantas. 

Porém, não são todas as frutas, legumes e verduras permitidas para a espécie. Além disso, é preciso estar atento às quantidades. Continue lendo e descubra o que porquinho-da-índia pode comer!

Ração peletizada

A ração peletizada, também chamada de alimento extrusado, é uma das bases da alimentação do porquinho-da-índia. Ela deve ser oferecida diariamente, sendo que a quantidade varia de acordo com o peso e a idade do seu amigo.

Por ser um animal com hábito alimentar herbívoro, o porquinho-da-índia não pode comer a ração de outros pets, como de gatos e cachorros, ou mesmo de outros roedores, como hamsters e twisters, que são onívoros. 

A fim de garantir todos os nutrientes necessários ao organismo dos porquinhos-da-índia e evitar problemas de saúde, o ideal é optar por alimentos para porquinho-da-índia específicos para a espécie. 

Se tiver dificuldade para encontrá-las, porém, a segunda melhor opção são as rações de coelhos. Neste caso, converse com um veterinário sobre a melhor maneira de fazer a adaptação. Lembrando que a ração de porquinho-da-índia está disponível na loja online da Petz. 

Feno de capim e de alfafa

Não se surpreenda ao perceber que o porquinho-da-índia passa o dia todo mastigando. De fato, o organismo desses pet é “programado” para receber alimentos de maneira contínua, sendo que o feno é o alimento mais consumido, com papel importante na saúde dos porquinhos

Obtido por meio da desidratação de gramíneas e leguminosas, o feno tem boa durabilidade e é muito rico em fibras. Sua ingestão é importante para manter o trânsito intestinal, evitando a estase, isto é, a parada dos movimentos do intestino.

Além disso, o feno também é fundamental para ajudar no desgaste dos dentes dos porquinhos-da-índia. Nesse sentido, vale lembrar que assim como acontece com outros roedores, os dentes dos porquinhos nunca param de crescer. Isto pode levar a problemas graves, como a má-oclusão dentária ou mesmo perfurações na boca.

São dois tipos principais de feno: de capim e de alfafa. Enquanto o primeiro deve ser oferecido livremente e de maneira abundante, a oferta do segundo deve ser mais controlada — em média, uma vez por semana. Por ser muito rico em cálcio, pode levar à formação de cálculos urinários.

Frutas permitidas para porquinho-da-índia

Entre o que porquinho-da-índia pode comer, algumas frutas são permitidas. Nesse caso, o alimento deve ser oferecido ao porquinho-da-índia entre 2 a 3 vezes por semana. Se possível, varie a escolha das frutas a fim de garantir diferentes vitaminas e minerais. As frutas devem estar sempre bem lavadas e fresquinhas. 

Mas quais frutas o porquinho-da-índia pode comer? Entre elas estão maçã, pera, caqui, melancia, melão, banana, amora, mamão, morango, manga e goiaba.  Sempre que possível, dê preferência às frutas, legumes e verduras orgânicos, que são livres de agrotóxicos, portanto mais saudáveis. 

Legumes e verduras

Além da ração e do feno ou capim, você pode aprender como alimentar porquinho-da-índia com verduras e legumes. A primeira pode ser oferecida diariamente ao porquinho-da-índia. Já os legumes podem entrar para a dieta dia sim, dia não, ou seja, de três a quatro vezes por semana.

Assim como deve ser feito com as frutas, legumes e verduras devem ser fornecidos frescos e bem lavados. Feito isso, alguns dos melhores alimentos para porquinho-da-índia são: abobrinha, abóbora, acelga, almeirão, beterraba, brócolis, chicória, chuchu, couve, cenoura, escarola, espinafre, rúcula, repolho, pepino e tomate. 

Por outro lado, mantenha seu amigo longe de feijão, batata e alface. Enquanto os dois primeiros são tóxicos para porquinho-da-índia, o terceiro está associado a quadros de diarreia. Ou seja, do mesmo jeito que é importante saber o que um porquinho-da-índia pode comer, é preciso estar atento aos alimentos proibidos para a espécie.

A importância da vitamina C

Diversas vitaminas são importantes para o organismo do porquinho-da-índia, mas uma delas merece destaque. Estamos falando da famosa vitamina C. Assim como nós, seres humanos, os porquinhos-da-índia não sintetizam o ácido ascórbico. Por isso, precisam obtê-lo a partir dos alimentos. 

A falta de vitamina C leva ao escorbuto com enfraquecimento do sistema imunológico, o que torna o porquinho mais suscetível a outras doenças. O escorbuto também pode levar à perda dos dentes, algo extremamente grave para um roedor. 

Outros sintomas da doença são fraqueza, cansaço, falta de apetite, perda de peso e dores musculares. Devido à importância do ácido ascórbico para a saúde do porquinho-da-índia, muitas das rações desenvolvidas para a espécie já vêm com as doses recomendadas da vitamina. Em alguns casos, porém, o veterinário poderá recomendar o uso de suplementos.

Agora que sabe o que porquinho-da-índia pode comer, veja outras dicas sobre a alimentação desses pequenos roedores aqui, no blog da Petz. São conteúdos incríveis que vão deixar a tarefa de qualquer tutor ainda mais simples. Confira!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *