Como acalmar gato filhote: técnicas para ajudar seu pet

Postado por PETZ, em Atualizado em Jan 15, 2020

Bem-Estar
Como acalmar gato filhote: técnicas para ajudar seu pet
Tempo de leitura: 4 minutos

Receber um novo pet em casa é sempre motivo para muita alegria! O novo integrante da família traz toda sua fofura, além de oferecer muito carinho e muitas chances de brincadeiras, deixando o dia a dia mais animado. Mas se você recentemente adotou um bichano bebê, pode estar se perguntando como acalmar gato filhote.

gato filhote no colo do tutor

Essa é uma fase sensível e delicada da criação de seu amigo, e é normal que ele estranhe o novo lar por algum tempo. Mas não se preocupe: convidamos uma especialista para tirar todas as suas dúvidas! Continue lendo e aprenda como acalmar gato filhote. 

Quando o gatinho está pronto

Gatos bebês são lindos, e quem está buscando um novo pet não vê a hora de levar essas belezinhas para casa! Porém, a médica-veterinária da Petz, Dra. Suelen Silva, lembra que há uma idade específica para que se possa separar um bichano da mãe. 

Para melhor conforto e desenvolvimento do pet, o ideal é esperar até que ele esteja um pouco independente. “O gatinho pode se afastar da mãe quando já adquiriu a habilidade de se alimentar sozinho”, explica a Dra. Suelen. “Isso ocorre mais ou menos na terceira ou quarta semana de vida”, completa.

Esse cuidado é importante para que o bichano fique mais calmo e mais saudável quando chegar na nova casa. Assim, por mais que você esteja ansioso para receber o amiguinho em casa, tenha um pouco mais de calma. O ideal é esperar até que o gatinho tenha mais ou menos um mês de vida.

Gato chorando: o que pode ser?

Quando você vê seu bichano comendo, dormindo e se divertindo o dia todo, provavelmente pensa: “como acalmar um gato filhote é fácil!”, não é? Bom, mas saiba que ser um gato filhote não é tão fácil assim. 

Conforme explica a Dra. Suelen Silva, o dia a dia de um pet bebê pode ser bem assustador. “Os gatinhos sentem falta do contato e do cheiro da mãe, além da interação com ela e com os irmãozinhos”, explica a veterinária. Assim, é comum que os primeiros dias sejam complicados. Mas não se preocupe: em poucas semanas seu filho de quatro patas estará amando o novo lar e sua nova família. É apenas questão de adaptação. 

Se você é um tutor de primeira viagem e quer aprender como acalmar filhote de gato, vamos dar uma ajudinha. A Dra. Suelen explica quais são os principais motivos para o choro dos bichanos e como ajudá-los.

Gato assustado: como acalmar

Se o bichano está tremendo e arredio, é bem provável que ele esteja assustado. Para isso, é importante entender se há um motivo específico para esse estado ou se é a situação como um todo. Será que ele ouviu um barulho muito alto? Ou será que ele ainda está se acostumando à nova casa? 

De qualquer maneira, se você quer saber como acalmar gato filhote assustado, a Dra. Suelen sugere levar o bichano para um local tranquilo, deixá-lo em sua caminha e fazer carinho até que ele entenda que está tudo bem.

Gato miando

Se o bichano está agitado e miando, é um pouco mais difícil descobrir a razão. “Gatos miam por diversos motivos, como falta de comida, caixinha de areia suja ou até se estiverem entediados, querendo brincar”, explica a Dra. Suelen. 

gato deitado miando

Assim, se seu gatinho está miando, tente identificar a origem do problema. Com o tempo, ficará mais fácil entender as mensagens que ele está tentando passar.

A Dra. Suelen reforça que antes de tomar qualquer atitude é necessário entender o que está alterando o comportamento do bichano. Atuar na causa do problema é a melhor maneira de deixar a nova casa perfeita para o gato filhote. 

Como acalmar gato agitado

Se por um lado os gatos filhotes podem ser medrosos e chorões, por outro, podem ser muito agitados e bagunceiros! Quando o pet se acostuma ao novo lar, é normal que ele busque explorar o novo território. Pets bebês são brincalhões e adoram atividades, o que pode ser um desafio para tutores iniciantes. 

Para isso, além de entender como acalmar um gato filhote agitado, a estratégia recomendada por especialistas é o enriquecimento ambiental. Essa fórmula consiste em deixar a casa ainda mais interessante para o pet, de forma que ele se divirta e gaste energia brincando! 

Os brinquedos e atividades estimulam os bichanos da forma certa, deixando-os mais tranquilos. Em lojas bem equipadas, como a Petz, você encontra ótimos itens que vão entreter e acalmar seu bichano.

Por fim, para quem ainda está se perguntando como acalmar gato filhote agitado, a médica-veterinária da Petz, Dra. Flávia Trevisan, indica que o tutor adquira brinquedos que possuam um compartimento para guardar petisco. Assim, o gato fica tentando buscar o alimento e se diverte por longos minutos. 

De fato, estudos mostram que com esses brinquedos os pets ficam mais calmos. “Isso dá aos gatos uma sensação de bem-estar por resgatar os instintos de caça, quando eles lutavam para conseguir o alimento”, explica a especialista.

Brinquedos ajudam não apenas gatos filhotes, mas também são uma boa alternativa para quem quer aprender como acalmar gatos agitados, sejam eles bebês ou adultos.

gato filhote deitado olhando para cima

Se você está buscando produtos para seu bichinho, acesse nossa loja virtual. A Petz trabalha com marcas confiáveis e bem avaliadas, oferecendo itens desenvolvidos por especialistas para encantar seu gatinho. Acesse agora mesmo nosso site ou entre em contato com nossa equipe! 

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *