Tudo sobre tartarugas: conheça os hábitos, cuidados e muito mais

Postado por PETZ, em 30/04/2019

Espécies
Tudo sobre tartarugas: conheça os hábitos, cuidados e muito mais

Se você que saber tudo sobre tartarugas tigre-d’água, a primeira coisa que deve entender é que, ao contrário do que muitos pensam — e do que o nome sugere — elas não são realmente tartarugas, e sim cágados da espécie Trachemys dorbigni.

Apesar de ambos serem aquáticos, enquanto a tartaruga vive no mar, o cágado-tigre-d’água habita locais de água doce, sendo que ele pode, inclusive, morar na sua casa! Mas atenção: é preciso muito cuidado desde a aquisição até a manutenção do terrário.

A seguir, aprenda todas as curiosidades sobre tartaruga-tigre-d’água e o que você precisa saber sobre esse réptil tão querido pelos brasileiros.

Procurar um vendedor autorizado: o primeiro cuidado com o cágado-tigre-d’água

Se você está em busca de um pet, é porque ama os animais. Sendo assim, não faz sentido estimular uma prática que coloca em risco a vida deles, como é o caso do tráfico de animais silvestres, não é mesmo? Por isso, o primeiro passo é saber que um criador da espécie precisa de autorização do IBAMA.

Ao fazer isso, você recebe documentos que comprovam que o cágado foi criado em cativeiro, e não capturado na natureza. Tanto é que ele vem até com microchip!

Além de ser importante para a preservação dos bichinhos e do meio ambiente, comprar em locais autorizados também evita que você seja penalizado de acordo com a Lei de Crimes Ambientais. Fique muito atento!

Características do cágado-tigre-d’água

Normalmente, há diferentes tipos de tartarugas e quando pensamos nos cágados, imaginamos um quelônio bem pequeno, do tamanho da palma de nossa mão. De fato, ao levá-lo para casa filhote, um tigre-d’água tem, em média, 5 cm. Mas não se engane: com os cuidados adequados, ele cresce até 6 vezes esse tamanho!

Abaixo, confira outras características:

  • Coloração: verde com rajados em amarelo e laranja;
  • Tamanho: até 30 cm;
  • Habitat: água doce (pântanos, riachos, lagoas, etc.);
  • Hábitos alimentares: onívoro,
  • Expectativa de vida: aproximadamente 30 anos.

O visual colorido, assim como o comportamento amigável da tartaruga-tigre-d’água fazem com que ele seja uma ótima opção para famílias com crianças.

No entanto, é importante destacar que os cuidados são responsabilidade dos adultos, incluindo a necessidade de ensinar o jeito certo de manusear o pet. Se derrubado, ele pode fraturar o casco, o que é muito doloroso e coloca a vida dele em risco.

Como cuidar de uma tartaruga-tigre-d’água

Silencioso e resistente, o cágado-tigre-d’água é relativamente fácil de cuidar, mas é preciso disciplina. Isso porque, assim como os outros répteis, ele regula sua temperatura interna a partir da temperatura do ambiente.

Por isso mesmo, a tartaruga doméstica deve ficar sempre em um terrário com condições apropriadas, idênticas às de seu habitat. A seguir, confira alguns dos principais cuidados que você deve ter com o quelônio:

Terrário

Os melhores habitats para eles são os chamados aquaterrários, que são como aquários. Mas têm uma plataforma onde o cágado pode subir para relaxar e tomar sol. Ele deve ser grande o suficiente para que o tigre d’água tenha espaço para crescer.

Lembre-se que ele pode chegar a até 6 vezes seu tamanho inicial! Além disso, o terrário sempre deve mimetizar o habitat do pet. Por isso, utilize termômetro e termostato para manter a temperatura da água entre 23°C e 26°C.

Exposição solar

Ela é importante para a metabolização da vitamina D que, por sua vez, ajuda na absorção de cálcio. Sem isso, o cágado corre o risco de desenvolver raquitismo, osteoporose, entre outras doenças ósseas. O ideal é que ele tome sol ao menos 15 minutos por dia.

Alimentação

Para uma dieta balanceada, ofereça a essa tartaruga aquática rações peletizadas flutuantes próprias para cágados. Algumas delas já vêm com os chamados gammarus, pequenos crustáceos que reforçam o consumo de proteína. Converse com um veterinário especialista em animais silvestres para orientações!

Limpeza

Como todos os répteis, tigres-d’água são muito limpos, mas é preciso fazer a manutenção para que a água fique sempre em boas condições. Considere que toda matéria orgânica colocada dentro do terrário não tem para onde ir, sendo assim, é muito importante ter um filtro, uma bomba e realizar trocas de água para retirar impurezas e fazer a oxigenação da água.

Saúde

Seguindo todos os cuidados, tigres-d’água dificilmente ficam doentes. Mesmo assim, a recomendação é levá-los ao veterinário ao menos uma vez por ano para uma avaliação. Dessa forma, é possível identificar alterações e corrigir qualquer problema na alimentação ou no ambiente logo no começo, evitando o surgimento de doenças.

Como você pode ter notado, ter um cágado é bastante similar a ter um aquário. Ou seja: é preciso ter tempo e dedicação para fazer a manutenção dos parâmetros da água.

Seguindo as dicas da Petz e cuidando do seu tigre-d’água com carinho, ele poderá viver muitos e muitos anos com saúde ao seu lado!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *