Tipos de fertilizante: conheça os principais e saiba qual utilizar

Postado por PETZ, em 21/01/2021

Dicas
Tipos de fertilizante: conheça os principais e saiba qual utilizar

Se você está pensando em se aventurar no mundo da jardinagem, conhecer os tipos de fertilizante é essencial! Esse poderoso aliado é o melhor amigo de um jardineiro experiente! Nutrir a terra vai ajudar a manter suas plantas sempre saudáveis e floridas! 

Porém, administrar o adubo não é tão simples assim. É necessário conhecer os tipos de fertilizante, suas indicações e qual o melhor para o seu jardim! Gostaria de aprender? Continue lendo! Preparamos um guia com tudo sobre o assunto! 

A importância do fertilizante

O uso de fertilizantes costuma ser subestimado pelos jardineiros iniciantes. Muitas vezes, acredita-se que esse item deve ser utilizado apenas quando a plantinha está abatida e precisando de um reforço. 

Entretanto, quem entende de jardinagem sabe que adubar a terra é fundamental para manter a saúde de suas verdinhas sempre em dia! Esse processo estimula o crescimento e a floração, sendo o segredo para um jardim digno de capa de revista! Por isso é tão importante conhecer os tipos de fertilizante. 

Fertilizantes naturais ou químicos? 

O primeiro passo para conhecer os tipos de fertilizante para flores e plantas é falar sobre sua principal divisão: naturais e químicos. Apesar de ambos serem boas fontes de nutrição para suas verdinhas, há algumas diferenças na origem dos nutrientes e em sua forma de atuação. 

Alguns adubos são mais indicados para plantas abatidas, que precisam de um energizante mais potente! Já outros devem ser administrados regularmente durante todo o ano! Para saber qual o mais indicado para seu jardim, continue lendo! 

Tipos de fertilizantes naturais

Os fertilizantes naturais possuem um tempo de atuação mais lento. Como liberam seus nutrientes a partir da decomposição de materiais orgânicos, seus efeitos podem demorar um pouco mais para surgir. Entretanto, são muito recomendados para a manutenção do jardim! 

Farinha de ossos

Esse fertilizante natural é muito utilizado, sendo facilmente encontrado em lojas especializadas, como a Petz. Os ossos possuem uma grande quantidade de cálcio, um nutriente essencial para a saúde das plantas! 

Além disso, esse produto ainda auxilia a equilibrar o pH e, por isso, é indicado para todas as plantas. A farinha de ossos, entretanto, possui uma atuação um pouco mais lenta. Por isso, é recomendado utilizá-la na manutenção de seu jardim, mantendo suas verdinhas fortes e saudáveis. 

Esterco

O esterco é um dos mais clássicos tipos de fertilizantes agrícolas! Muito utilizado em fazendas e plantações, esse produto poderoso é capaz de dar força e vitalidade para suas plantinhas. 

Hoje, é fácil encontrar esterco em lojas especializadas. Preparado por especialista, esse composto já vem pronto para ser aplicado em seu jardim, de forma segura e eficiente! 

Húmus de minhoca 

Nem todo mundo tem a sorte de ter uma minhoca em seu jardim. Entretanto, isso não impede você de aproveitar os benefícios do húmus de minhoca! Hoje, é possível encontrar esse excelente produto em lojas especializadas, pronto para ser aplicado em seu jardim! 

Diferentemente de outros tipos de fertilizantes naturais, com o húmus de minhoca os benefícios já são perceptíveis quase instantaneamente. A terra fica mais aerada e nutritiva para suas verdinhas! 

O melhor dos fertilizantes naturais é que eles não possuem contraindicação! Basta seguir as orientações da embalagem do produto escolhido para aproveitar os benefícios dos adubos acima! 

Tipos de fertilizantes químicos

Os fertilizantes químicos, por sua vez, são produzidos em laboratório especialmente para animar suas plantinhas! Preparados por especialistas, eles contêm uma composição de nutrientes específica. 

Por isso, é importante conhecer as necessidades de sua planta e, assim, qual o produto mais indicado. Os fertilizantes químicos seguem o famoso modelo NPK. Essa sigla, que pode parecer complexa, na verdade representa os três principais nutrientes do solo. 

  • N – nitrogênio;
  • P – fósforo, 
  • K – potássio.

Além disso, muitas vezes o fertilizante mineral vem com a informação sobre a proporção de cada elemento. Assim, um produto NPK 10-10-10 possui a mesma quantidade de todos esses nutrientes. 

Geralmente, a própria embalagem já explica qual as espécies de plantas mais indicadas e a forma de utilização, além de mostrar a quantidade de fertilizante mineral misto. Os fertilizantes químicos também se dividem em alguns tipos. São eles:

  • Granulado: se dissolve lentamente e possui uma ação mais prolongada. Ideal para jardins grandes e espaços abertos; 
  • Concentrado: deve ser dissolvido previamente em água e rende várias aplicações! Possui atuação mais rápida e é indicado para vasos pequenos; 
  • Pastilha: semelhante ao granulado, a pastilha se dissolve pouco a pouco com as regas. Pode ser utilizada tanto em jardins como em vasos, basta seguir a recomendação da embalagem, 
  • Líquido: o fertilizante líquido já vem pronto para uso! É indicado para quem busca praticidade. É mais eficaz em vasos pequenos. 

plantas medicinais na chuva

Com as informações acima, é possível ter a plantinha dos sonhos em seu jardim! E na Petz você encontra tudo que um jardineiro de primeira precisa! Nossas lojas contam com ferramentas, acessórios e, claro, muitos tipos de fertilizantes! Venha nos fazer uma visita! 

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *