Ferida em gato: principais causas e como tratar

Postado por PETZ, em Atualizado em Mar 5, 2021

Bem-Estar
Ferida em gato: principais causas e como tratar
Tempo de leitura: 5 minutos

Muitas situações podem causar uma ferida em gato, e a melhor forma de ajudar seu peludo é conhecendo as principais causas e tratamentos do problema. Assim, se você está com um felino machucado em casa, continue lendo. Aprenda aqui as principais causas para ferida em gato e quais os melhores tratamentos. 

gato deitado

5 causas para feridas em gatos

Uma ferida aberta em gato é um sintoma bastante comum, que pode ocorrer nos mais diferentes quadros. Alguns problemas graves, como infecções e doenças sistêmicas, podem causar feridas, e o conhecimento é a maior arma no combate às doenças. Veja as cinco causas mais comuns para esse problema:

1. Parasitas 

Quem nunca encontrou um pontinho preto saltitante em seu bichano? Pois saiba que os parasitas, como pulgas e carrapatos, estão entre as principais causas para feridas em gatos que não cicatrizam. Apesar de ser um problema comum, é necessário combater os parasitas assim que notar sua presença. 

O Dr. Bruno Saito, médico-veterinário, explica que as pulgas vão muito além de um simples “coça-coça”. Se não for tratada, a infestação pode trazer complicações. “As pulgas podem apresentar uma ameaça para os gatinhos principalmente por dois motivos: primeiro, elas são vetores de doenças, como anemia infecciosa felina e bartonelose”. 

Em segundo lugar, como as pulgas em gatos picam muitas vezes ao dia para se alimentar de sangue, causam muita coceira e, algumas vezes, alergia, feridas e até queda de pelos. Por isso, leve seu pet a um veterinário e siga todas as orientações do especialista!

2. Esporotricose

Esse nome complicado representa um verdadeiro perigo para os tutores que vivem no interior, próximo a campos ou a áreas rurais. Também chamada de “doença dos jardineiros”, essa é uma doença causada por um fungo, o Sporothrix schenckii, que vive em plantas e espinhos. 

Quando entra em contato com uma pele ferida, contamina o organismo, causando diversos problemas de saúde. Apesar de também atacar cachorros ou mesmo humanos, é nos felinos que a esporotricose fica mais grave. 

A Dra. Camille Oliveira, médica-veterinária da Petz, explica que o principal sintoma dessa doença são justamente as feridas, que aparecem por todo o corpo e demoram para cicatrizar. Através de exames, o veterinário poderá identificar a doença e, assim, iniciar um tratamento eficaz. 

 

3. Sarna

A sarna é outra velha conhecida entre os pais e mães de pets. E aqui, vale reforçar o recado: mesmo que seja um problema comum, é importante combater essa doença. Há diferentes tipos de sarna, cada um causado por um agente diferente. 

Porém, em sua maioria, elas causam sintomas comuns, como queda de pelos e ferida em gato. O veterinário irá diagnosticar qual o tipo de sarna que está afetando o peludo e, a partir disso, poderá receitar o melhor tratamento. 

Geralmente, o tutor deve aplicar parasiticidas, que podem ser comprimidos, pomadas ou pipetas. Seguindo as recomendações do médico, o bichano irá se recuperar rapidamente.gato deitado

4. Alergias

Assim como nós, os bichanos também podem ter alergias a diferentes reagentes. Muitas vezes, essa reação é causada por itens comuns em nossa casa, como produtos de limpeza, plantas e vegetais. 

Porém, em alguns casos, a alergia pode ser um pouco mais difícil de identificar, principalmente quando é causada pela ração, perfumes ou outros itens. Por isso, apenas um veterinário poderá identificar a origem do problema. 

Procure um especialista rapidamente e, após o diagnóstico, siga suas orientações. O tratamento para alergias costuma ser simples e, quando o peludo fica longe do que causa seu incômodo, ele se recupera rapidamente! 

5. Tumor de pele

O tumor ocorre quando há o crescimento descontrolado de algumas das células do corpo. “E como a pele possui alta regeneração, se renovando com frequência. Isso pode predispor  ao surgimento de células anormais, e daí os tumores”, explica a Dra. Heloísa Souza, médica-veterinária da Petz. 

A especialista explica que há diferentes tipos de tumores, alguns mais leves e outros mais graves. Mas, de forma geral, feridas em gatos é um sintoma comum em todos os tipos de tumores de pele. Outros sintomas incluem sangramentos, nódulos e mudança no aspecto da pele. 

Se notar qualquer um desses sinais, busque ajuda de um veterinário. O tratamento pode variar de acordo com o quadro do gatinho. Geralmente, envolve cirurgia, quimioterapia ou radioterapia. 

Feridas em gatos: como tratar? 

Para entender como tratar feridas em gatos, é preciso primeiro buscar ajuda de um veterinário. Como esse é um sintoma comum a diferentes doenças, é importante que o especialista realize um diagnóstico e inicie um tratamento eficaz. 

Tratar as feridas sem saber sua origem pode levar a complicações, prejudicando ainda mais a saúde do peludo. O especialista poderá indicar como cuidar de feridas em gatos do melhor modo.

Porém, se você precisa de um remédio para ferida em gato, enquanto busca ajuda profissional, há algumas ações que podem ajudar. A Dra. Renata Brunetto, médica-veterinária da Petz, informou os primeiros-socorros em caso de feridas. 

  • Lave bem a região, utilizando soro fisiológico e algodão;
  • Seque o ferimento delicadamente;
  • Se estiver sangrando, estanque o sangue utilizando panos secos;
  • Busque ajuda de um veterinário. 

As medidas acima ajudam a lidar com a ferida de uma forma emergencial. Porém, é importante reforçar que apenas um veterinário poderá examinar o peludo com cuidado, passar as instruções corretas e recomendar algo como um spray cicatrizante para feridas em gatos.

Buscar opções alternativas, como “remédios caseiros para feridas em gatos”, pode causar ainda mais complicações para seu amigo. E se você busca profissionais responsáveis e especializados, procure o Centro Veterinário Seres mais próximo.

gato cinza do olho azulgato doente

Esta é uma iniciativa Petz, que conta com os melhores veterinários e toda a infra-estrutura para cuidar do seu melhor amigo. Acesse nosso site e conheça o projeto! 

 

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *