Quanto tempo vive um gato com Felv? Descubra!

Postado por PETZ, em Atualizado em Mar 29, 2021

Bem-Estar
Quanto tempo vive um gato com Felv? Descubra!
Tempo de leitura: 5 minutos

Considerada uma doença grave, a Felv é uma das principais preocupações dos pais e mães de bichanos. E apesar dos constantes esforços de cientistas e veterinários, a leucemia felina, como também é conhecida, não tem cura. Por isso, uma das principais perguntas feitas é: quanto tempo vive um gato com Felv

gato preto e branco

A melhor forma de proteger nossos amigos é conhecendo mais sobre a doença. Por isso, convidamos uma médica-veterinária que tirou todas as dúvidas sobre o assunto. 

O que é Felv?

Para saber como proteger nosso peludo, é importante conhecer mais sobre a doença. A Dra. Camille Martins, médica-veterinária da Petz, explica que a leucemia felina é bem diferente da doença que afeta os humanos. “O vírus da leucemia felina, também chamado de Felv, é uma doença causada por retrovírus”, comenta. 

A especialista explica ainda que o vírus afeta o sistema imunológico do peludo, o que facilita a entrada de vírus e bactérias, gerando diversas infecções. Em casos mais graves, o Felv pode ainda causar linfoma, um tipo de câncer de sangue. Devido à gravidade da doença, especialistas alertam os tutores sobre a necessidade de ficar de olho ainda nos primeiros sintomas. 

Como proteger seu amigo

Como explica a Dra. Camille, a Felv é uma doença causada por um vírus. Assim, o contágio ocorre quando o bichano entra em contato com pets ou ambientes contaminados. “Os gatos infectados com Felv eliminam o vírus pela saliva, fezes, leite e urina”, explica. 

E os hábitos dos felinos tornam a doença ainda mais contagiosa. Durante as brincadeiras, banhos ou até mesmo brigas entre os peludos, o pet infectado pode transmitir o vírus para um saudável. “A transmissão também ocorre pelo compartilhamento de vasilhas de alimento, bebedouros e caixas de areia”, complementa. 

Por isso, a principal forma de prevenir a Felv é evitar que seu gato acesse a rua. Dessa forma, o contato com o vírus fica mais difícil. Se tiver mais de um bichano em casa, o pet infectado deve ser separado dos outros.

Como perceber a doença?

Entender como a leucemia felina age no corpo do pet é fundamental para compreender sua gravidade. A Dra. Camille afirma que o perigo da Felv é que ela ataca as defesas do gato infectado. Dessa forma, há maior probabilidade de infecções secundárias decorrentes da Felv. De acordo com a especialista, os principais sintomas são:

  • Anorexia;
  • Perda de peso;
  • Apatia;
  • Problemas respiratórios;
  • Estomatites;
  • Febre. 

Os sinais acima podem assustar. Entretanto, eles representam um quadro mais leve da Felv em gatos. A Dra. Camille afirma que, em casos mais graves, os gatos podem apresentar:

  • Distúrbios hematológicos;
  • Linfoma;
  • Problemas neurológicos;
  • Paralisia. 

Como a leucemia felina apresenta sintomas muito semelhantes a outras doenças, procurar um veterinário é fundamental. Ao notar que seu amigo está com alguma alteração em seu comportamento, busque ajuda o mais rápido possível. 

Como é feito tratamento

A principal dúvida em relação à doença é se a Felv tem cura. A Dra. Camille explica que, infelizmente, não há uma cura para a doença. O bichano com Felv precisa receber o chamado “tratamento de suporte”. Além de oferecer alimento de qualidade, carinho e conforto, é necessário tratar as possíveis infecções secundárias. 

gato comendo ração

E como a imunossupressão deixa o organismo do peludo bastante fragilizado, doenças simples podem ficar mais complicadas. Por isso, os tutores de gato Felv positivo devem ter atenção redobrada à saúde de seus peludos. 

Quanto tempo vive um gato com Felv?

Apesar de muitos tutores se perguntarem se a Felv em gatos tem cura, é uma doença  incurável. Especialistas explicam que esse estimar o tempo de um gato com o vírus é delicado, dependendo muito da forma como a doença irá progredir, além da reação do organismo do peludo. Em média, porém, o gato vive dois anos e meio após o diagnóstico. 

Esse período pode ser mais longo dependendo das condições do bichano. É preciso saber como cuidar de um gato com Felv para aumentar sua expectativa de vida. Por isso, siga as instruções abaixo para garantir mais qualidade de vida para seu amigo. 

Como melhorar a qualidade de vida de um gato com Felv

A leucemia felina pode até ser uma doença incurável. Entretanto, o tutor pode ajudar — e muito! — seu bichano, contribuindo para sua qualidade de vida. A lista abaixo contém atitudes que irão contribuir para a saúde do peludo:

  • Oferecer uma ração premium: as rações para gato de alta qualidade garantem mais nutrientes para o pet. Consequentemente, ele estará mais preparado para combater possíveis infecções;
  • Castrar: gatos castrados ficam mais tranquilos, com menor probabilidade de fugas e brigas. Com isso, seu bichano estará mais protegido;
  • Atividades diárias: as brincadeiras de gato são bem mais que um simples jogo. Elas fazem parte do DNA dos felinos. Estimular as atividades é uma forma de contribuir para sua saúde;
  • Conforto: gatos são pets que gostam de tranquilidade. Evite que seu amigo fique em áreas movimentadas e barulhentas. Dessa forma ele se sentirá mais seguro e menos estressado;
  • Visitas regulares ao veterinário: o especialista poderá monitorar de perto a saúde do peludo.

Por fim, a Dra. Camille reforça a importância de ficar atento em relação à saúde do bichano. “Ao perceber qualquer mudança no comportamento do pet, o tutor deve procurar um veterinário”, explica. O especialista irá agir rapidamente, combatendo as doenças secundárias e garantindo mais saúde para o felino. 

Mesmo que a leucemia felina não tenha cura, devemos lembrar de sempre contribuir para o bem-estar do peludo. As atitudes acima certamente influenciam quanto tempo vive um gato com Felv

gato com barriga para cima

Se ainda tem dúvidas sobre o melhor tratamento, busque o Centro Veterinário Seres mais próximo de você. Essas clínicas idealizadas pela Petz contam com profissionais especializados que irão fazer de tudo para ajudar seu filho de quatro patas. Venha nos fazer uma visita e conheça mais sobre o projeto! 

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *