Aguarde...
Carregando...
Ordenar por
Carregando produtos...

Mau Hálito Cachorro

Mau hálito cachorro

Se os cães já exalam um hálito forte naturalmente, quando expostos a doenças periodontais e gengivite, o odor fica insuportável. Mas não é só do cheiro que devemos tratar, pois os dois casos citados são realmente muito sérios. Geralmente, o cachorro com mau hálito está diretamente ligado a problemas digestivos e deve ser levado a um veterinário de confiança para determinar a melhor forma de tratar sua disfunção.

 

Mau hálito de cachorro: causas

O mau hálito em cães é também chamado de halitose e é bastante comum entre os cachorros. Mesmo que seja comum, não quer dizer que não deve ser tratado, pois, em alguns casos, essa disfunção pode ser algo sério. Por isso, consulte um profissional com frequência e garanta que a saúde bucal do seu animal de estimação esteja em dia. Ao levá-lo no veterinário, pode ser examinado uma possível gengivite ou outro tipo de infecção, mas não se preocupe, pois esses problemas são reversíveis.

 

Como tirar bafo de cachorro

Geralmente, são indicados dois tipos de tratamento: um com produtos de higiene oral à base de clorexidina e outro com aditivos de água sem clorexidina. O primeiro utiliza cremes, gel ou spray para limpar a boca do animal, protegendo a gengiva de inflamações e prevenindo as placas formadas por bactérias, que também são causadoras do mau hálito.

Os aditivos, por sua vez, são basicamente líquidos aplicados na água do animal e ajudam a prevenir a formação de placas, além de deixar o hálito bem refrescante. Esses aditivos são bastante eficientes e não utilizam clorexidina, cloros, xilitol ou álcool.

leia mais...

Como escovar dente de cachorro

“Como escovar dentes de cachorro” é sempre uma grande questão, pois os cães que não estão acostumados com essa prática podem se negar ou assumir posturas agressivas. O mais correto a se fazer é introduzir a escovação desde os primeiros meses do animal, garantindo que ele se acostume cada vez mais até que não estranhe as ferramentas e produtos de higiene, bem como a atividade em si. Mas, se seu pet é adulto, e você quer e precisa adotar a escovação em sua vida, é preciso paciência.

 

A princípio, o cão não irá permitir a escovação completa, sendo preciso introduzir esse hábito gradualmente. A primeira dica é massagear levemente a gengiva e dentes do animal com o dedo sem pasta de dente, fazendo movimentos circulares para acostumá-lo.

 

O próximo passo é aplicar, todos os dias, com os dedos e com os mesmos movimentos uma pequena quantidade de pasta dental específica para cachorro. Com o tempo, ele irá permitir essa manipulação sem hesitar, e é nessa hora que a escovação deve ser introduzida.

 

Com a escova, faça pequenos movimentos circulares, escovando apenas alguns dentes de cada vez, começando pela parte externa e, após isso, a parte de trás.

 

Se houver sangramento intenso, procure um veterinário e peça orientação, pois você pode estar aplicando muita força no dedo e/ou escova para cachorro, além de ser também um sinal de gengivite.

fechar...