Rotina de cachorro: por que ela é importante e como organizá-la

Postado por PETZ, em Atualizado em Apr 5, 2019

Bem-Estar
Rotina de cachorro: por que ela é importante e como organizá-la
Tempo de leitura: 4 minutos

Acordar, tomar café da manhã, escovar os dentes, ir para o trabalho… E repetir tudo de novo, todos os dias. Para nós, ter uma rotina pode parecer pouco empolgante, mas, ainda assim, ela é fundamental para o funcionamento adequado do nosso organismo. Mas e para o pet, como seria ter uma rotina de cachorro?

Para os cãezinhos, ter esses hábitos é ainda mais importante: eles são capazes de reduzir a ansiedade, proporcionando benefícios físicos e psicológicos. Portanto, é bom saber como e por que organizar a rotina de cachorro, para promover uma vida muito melhor a esses bichinhos.

Benefícios da rotina para os cães

Já imaginou despertar e não ter ideia de quando você vai comer, ter momentos de lazer ou sair de casa? É possível que tanta incerteza gere alguma ansiedade, não é mesmo?  

De acordo com a médica-veterinária da Petz, Dra. Julia Andrade de Campos, é exatamente isso que acontece quando um cachorro não tem rotina. “Ele pode se mostrar hiperativo, pode destruir objetos ou até se automutilar por causa da ansiedade”, diz a veterinária.

Com a rotina (sabendo quando vai comer, passear e brincar), o cachorro se torna mais seguro e disciplinado, tem seu nível de estresse e ansiedade reduzido e, consequentemente, melhora a sua interação com o tutor.

Quando falamos da rotina de um cachorro de apartamento, os benefícios são ainda maiores, já que esses vivem em pequenos espaços e pouco saem para passear. Promovendo novos hábitos, é possível fazê-lo interagir melhor com outras pessoas, melhorar com as questões de higiene e a permanecer muito mais calmo e tranquilo.

Rotina de cachorro: dicas para organizar

O primeiro passo para começar a organizar o dia a dia do seu pet é fazê-lo conhecer e adaptar a sua própria rotina. Afinal, é você quem vai servir a comida dele, levá-lo para passear e brincar com ele. Por isso, o ideal é que os horários das atividades atendam às necessidades do pet, mas também se encaixem no seu dia a dia.

Uma boa dica, é iniciar esse processo quando o seu novo amiguinho ainda é pequeno. Organizando a rotina para cães filhotes, é muito mais fácil fazê-lo crescer seguindo novos hábitos e, por consequência, mais calmo e tranquilo.

A seguir, confira algumas dicas para organizar as principais atividades da rotina de cachorro.

Alimentação

  • O alimento não deve ficar o dia todo à disposição. Em vez disso, ofereça a ração duas vezes ao dia, sempre nos mesmos horários;
  • Depois de servida, deixe a ração disponível por até 1 hora e, em seguida, retire o pote com comida, voltando a oferecê-la apenas no horário da próxima refeição. Isso contribui para que o pet entenda a rotina;
  • Para evitar que o pet fique muito tempo sem comer — podendo levá-lo a um quadro de hipoglicemia —  uma dica é estimulá-lo com brinquedos interativos ou dar a ele pequenas recompensas pela execução de comandos simples;
  • Especialmente na fase de adaptação à rotina, evite dar muitos petiscos ao cão. Além de contribuírem para que o pet se sinta satisfeito e dispense a ração, podendo aumentar o risco de obesidade e de outras doenças, caso o petisco seja consumido em excesso.

Passeios

  • Recomenda-se passear com o cachorro pelo menos duas vezes ao dia;
  • De acordo com a Dra. Julia, um dos melhores horários é logo após o cão acordar, o que o deixa mais disposto para encarar a primeira refeição;
  • Ainda que os horários dos passeios devam se encaixar na sua rotina, o ideal é que eles sejam feitos sempre antes das 10h e depois das 16h, para evitar o excesso de sol, que pode causar vários problemas ao animal, de queimaduras nos coxins (as “almofadinhas” das patas) ao câncer de pele.

Brincadeiras

  • Separe pelo menos uma hora para brincar com o pet todos os dias, isso pode auxiliar muito no adestramento de cachorro;
  • Principalmente no caso dos cães de médio e de grande porte, as brincadeiras nunca devem ser feitas logo após as refeições;
  • Além de brincar com ele, lembre-se de preparar brincadeiras desafiadoras para quando tiver que deixar seu cachorro sozinho.

Sono e descanso

  • Não se assuste, nem tente proibir sonecas ao longo do dia. Segundo a Dra. Julia, os cães podem e devem tirar vários cochilos. Isso não atrapalha o sono noturno deles;
  • Garanta um local tranquilo e apropriado para que o cachorro possa dormir seguro e sem interrupções, lembrando que este é um dos cuidados básicos com cães filhotes, desde o início da vida;
  • Aproveite o período antes do sono para incluir na rotina um cafuné e uma boa escovação. Além de ser essencial, fazer isso ajuda a relaxar o pet;
  • Tenha em mente que a melhor forma de garantir sonos tranquilos é justamente estabelecendo uma rotina de passeios, brincadeiras e refeições.

Gostou das dicas de como organizar a rotina de cachorro? Acompanhe o blog e as redes sociais da Petz para ter mais ideias de como melhorar o dia a dia do seu amiguinho de quatro patas!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *