É possível o cruzamento de cachorro grande com pequeno?

Postado por PETZ, em Atualizado em Jan 18, 2021

Cachorros
É possível o cruzamento de cachorro grande com pequeno?
Tempo de leitura: 4 minutos

Em meio a tantas notícias sobre a pandemia de coronavírus, um acontecimento curioso conseguiu chamar a atenção de internautas. O inusitado cruzamento de um Pinscher com uma Pitbull no estado do Tocantins despertou curiosidade e dúvidas sobre o cruzamento de cachorro grande com pequeno

cachorro olhando para foto

Será que esse tipo de acontecimento realmente pode acontecer ou foi uma rara exceção? Continue lendo e saiba mais sobre o cruzamento de cachorro grande com pequeno, além de suas implicações e riscos.

Implicações do porte no cruzamento entre raças

Tutores de cadelinhas não castradas e que têm o costume de passear sempre com elas sabem o quanto pode ser difícil manter cães não castrados longe delas durante o período do cio. 

Nesse sentido, tentativas de impedir a monta com o uso de fraldas, roupinhas etc são quase sempre ineficazes. Mesmo com obstáculos, os cães dão um jeito de seguir seu instinto.

Quanto ao porte dos cachorros, ele não impede a atração do macho por uma cadela no cio, seja ela muito maior ou menor que ele. Porém, a diferença de tamanho traz não apenas dificuldades na hora da monta, inviabilizando o cruzamento (ou sua conclusão), como pode colocar em risco a saúde física dos cães ao longo do processo. 

Não à toa, criadores de raças híbridas envolvendo cães de portes muito diferentes muitas vezes recorrem à inseminação artificial ou precisam interferir no processo de alguma maneira. 

Lembrando que no caso de fêmeas muito menores que o macho, os riscos de cachorro grande cruzando com cachorro pequeno são maiores, especialmente na gestação canina e no procedimento de parto.  

Cruzamento de cachorro pequeno com cadela grande

Saiba que quando o cão é muito menor que a cadela, a grande dificuldade é a própria monta. Afinal, é muito difícil para o macho alcançar o órgão sexual da fêmea, mas não é impossível. 

No caso de cruzamento de cachorro estimulados pelo tutor — o que não é de modo algum recomendado —, pode-se recorrer ao uso de uma plataforma elevada para manter o cão na mesma altura da cadela (o cachorro também pode recorrer a esse método por conta própria). 

cachorro grande na sala

Um dos momentos mais críticos do cruzamento ocorre após a monta, quando os cães ficam “grudados” e de costas um para o outro. É durante esse processo, que leva em média 30 minutos, que ocorre a fecundação.

No momento da fecundação, se ocorrer um afastamento brusco dos pets antes do término da cópula pode provocar ferimentos graves nos órgãos sexuais de macho e fêmea. 

Se a fêmea permanece deitada, é mais fácil e seguro. No entanto, quando o cruzamento ocorre com a fêmea em pé, é grande o risco de os pets acabarem se machucando. 

Cruzamento de cachorro grande com cadela pequena.

O cruzamento de cachorro grande com cadela pequena nunca é recomendado. Isso porque o cruzamento é bastante crítico quando se trata de um cachorro de grande porte com uma cadela pequena. 

Começando pela monta, a pressão exercida pelo peso excessivo do macho pode prejudicar a coluna da fêmea, em especial no caso do cruzamento de cachorros de raças diferentes que possuem essa estrutura mais delicada, como no caso dos dachshunds. 

Mas será que apesar de tudo isso cachorro pequeno pode cruzar com cachorro grande? Saiba que, além de tudo, a diferença entre o tamanho dos órgãos sexuais por sua vez pode provocar dificuldades na penetração. 

Em casos mais graves, o processo pode levar a um corte do canal vaginal da fêmea, resultando em muita dor e sangramento. O momento da fecundação, no qual os pets permanecem “grudados”, também é muito arriscado neste tipo de cruzamento. 

Mais um motivo para tentar evitar a todo custo esse tipo de cruzamento é a gestação de alto risco que ele pode ocasionar. Isso porque, os órgãos reprodutivos da fêmea são preparados para gestar filhotes de tamanho semelhante ao dela própria.

Filhotes desproporcionalmente grandes em relação à mãe não conseguem passar pelo canal vaginal na hora do parto. Nesse caso, é necessária a cirurgia cesariana a fim de não prejudicar a cadela. 

A castração é importante para controle populacional e para a saúde dos pets

Não importa o tamanho do seu amigo de quatro patas ou se ele tem ou não a companhia de outros cães em seu dia a dia, vale a pena conversar com um veterinário sobre a castração.

Mais do que ajudar no controle populacional, o que já é muito importante para diminuir o número de animais abandonados, o procedimento ainda ajuda a prevenir uma série de doenças graves relacionadas aos órgãos e hormônios sexuais, como câncer de mama e de útero nas fêmeas e câncer de próstata nos machos. 

cachorro pequeno com coleira

Gostou de saber tudo sobre o cruzamento de cachorro grande com pequeno? Continue acompanhando assuntos relacionados ao universo pet aqui, no blog da Petz! São artigos que vão desde cuidados, saúde e dicas a curiosidades super interessantes. Confira!

 

 

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *