Cachorro com ciúmes: pets que amam demais?

Postado por PETZ, em 24/02/2019

Comportamento
Cachorro com ciúmes: pets que amam demais?

Não faltam motivos para considerar o cachorro o melhor amigo do homem. Esses pets são muito fiéis e companheiros, e demonstram grande amor e carinho pelos seus tutores! Mas o que fazer quando eles, digamos, amam demais? Apesar de muitos tutores considerarem um cachorro com ciúmes divertido e amoroso, a verdade é que o comportamento pode prejudicar e muito! o convívio do pet com a família.

Isso, por sua vez, é capaz de trazer prejuízos para o bem-estar físico e emocional dele. Conheça aqui as principais causas de cachorros com ciúmes e como lidar com este sentimento tão complicado.

Cachorro sente ciúmes?

Quem convive com cachorros sabe como este pet pode apresentar um comportamento parecido ao dos humanos. Mas você já se perguntou se cachorro sente mesmo ciúmes?  

De acordo com especialistas, a resposta é sim! Um estudo desenvolvido pela Universidade de Viena, em 2016, pediu para 36 tutores fazerem carinho em três objetos diferentes enquanto seus pets observavam.

Primeiro, em um cachorro de pelúcia que latia e abanava o rabo. Depois, em uma abóbora e, por fim, em um livro. Os cachorros ficaram bem mais irritados quando o tutor acariciava o bichinho de pelúcia! Isso demonstra que eles entendem quando possuem um rival: alguém semelhante que vai disputar a atenção de seu tutor.

O que é o ciúmes

Todos nós entendemos o ciúmes, um misto de raiva, tristeza e medo de perder uma pessoa querida. No caso dos cachorros, parte dos estudiosos defende que o ciúmes deles seria algo mais primitivo, um sentimento de posse relacionado a sua posição em uma matilha.

De acordo com esses especialistas, o ciúme seria, na verdade, uma forma de se mostrar mais forte e manter seu status.

Porém, pesquisas recentes mostram que este sentimento pode ser bem mais sutil. Esta angústia estaria relacionada ao vínculo afetivo do pet com seus tutores, e o medo de perder este laço. Algo bem mais similar ao sentimento dos humanos, não é mesmo?

Como perceber se o pet está com ciúmes

Cachorros são muito expressivos e costumam ter dificuldade em esconder seus sentimentos. Assim, se seu amigo estiver com ciúmes, possivelmente deixará isso bem claro para você! Entre as atitudes mais comuns em cachorros com ciúmes, podemos citar:

  • Xixi no lugar errado: o xixi, para animais, é uma marcação territorial. Por isso, se o cachorro está com ciúmes, vai passar a urinar mais, em diferentes lugares, para tentar se afirmar naquela casa. Claro, também é uma forma de chamar a atenção do tutor;
  • Latidos excessivos: outro sinal claro, o latido também é uma forma de chamar atenção. Acontece, especialmente, quando o tutor interage com outra pessoa ou pet,
  • Comportamento agressivo: este é o sintoma mais perceptível e mais preocupante. Cachorros ciumentos tendem a ficar agressivos com estranhos e, em alguns casos, até com o tutor.

Por mais que possa parecer carinhoso e até um pouco fofo que seu cachorro tenha ciúmes de você, este comportamento merece atenção e cuidados.

Isso porque, além de se tornar mais agressivo, o que pode ferir você e as pessoas à sua volta, um cachorro ciumento também costuma ficar mais ansioso e inseguro, o que é ruim tanto para sua saúde física quanto emocional.

Causas de ciúmes em cachorros

De acordo com especialistas, os cachorros podem desenvolver ciúmes por diferentes motivos. Alguns acontecimentos podem ser o gatilho para esta mudança no comportamento de seu amigo, como:

  • Um novo pet;
  • O nascimento de um bebê,
  • Uma nova pessoa na família.

No entanto, estudos destacam que o ciúmes pode ser um sentimento estimulado pelo tutor durante o crescimento do pet.

Em alguns casos, devido à falta de limites e de consistência no adestramento, o cachorro acaba desenvolvendo um comportamento mais possessivo e territorialista em relação à sua comida, aos seus brinquedos e até ao seu tutor, o que resulta em uma atitude mais “ciumenta”.

Cachorro com ciúmes: como tratar

Caso perceba que seu cachorro está com ciúmes, é necessário observar alguns pontos. Se este sentimento surgiu após alguma mudança, como a chegada de um novo membro na família, talvez o cachorro esteja se sentindo deixado de lado.

É recomendado dar carinho e amor ao seu pet, e apresentá-lo aos poucos este novo membro. Dessa forma, eles também podem criar laços de amizade, fazendo o cachorro perceber que o novo membro chegou para acrescentar, não para subtrair. Essa é uma das melhores formas de como diminuir ciúme em cachorro.

Já quando o ciúmes é crônico e um comportamento constante, talvez seu pet não entenda muito os limites e as regras da casa. Nesse caso, o recomendado é utilizar técnicas de adestramento, mostrando para o cachorro que, apesar de muito importante e amado, ele precisa conviver e respeitar os outros.

Para tutores iniciantes, em nosso Pet Shop on-line, oferecemos acessórios que irão auxiliar o adestramento do seu companheiro sem incomodá-lo. Venha conferir!

Por fim, tenha em mente que cachorros são amorosos por natureza. Não tenha dúvidas que seu amigo te adora, e o ciúmes não precisa (e não deve) ser a prova disso. Portanto, ao perceber o cachorro com ciúmes do novo filhote, por exemplo, comece o tratamento.

Um sinal de amor maior que o ciúmes é uma tutoria responsável, que prepara o cachorro para o convívio com outros pets e humanos, garantindo o bem-estar dele. Por isso, cuide de seu pet e ensine que, numa relação de amor, sentimentos de posse nunca são bem-vindos!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *