Você conhece os corais? Saiba mais sobre esses organismos!

Postado por PETZ, em 12/07/2021

Curiosidades
Você conhece os corais? Saiba mais sobre esses organismos!

Conhecer um pouco da natureza é uma maneira de entender por que sua preservação é tão importante para o futuro das próximas gerações. Pensando nisso, é comum ter algumas dúvidas, principalmente quando o assunto é menos explorado, como o fundo do mar. Afinal, o que são corais e recifes coralíneos? 

peixes e corais

Essas são algumas questões que muita gente até entende um pouco, mas não sabe como explicar. Então, se quiser lembrar o que são corais, continue lendo! Preparamos um conteúdo completo, cheio de informações sobre o assunto. 

O que são corais?

Muita gente se pergunta o que são corais e, inclusive, imagina que essas estruturas que constroem os recifes são vegetais ou minerais. No entanto, os corais são membros de um filo animal chamado Cnidários, cujos outros membros incluem anêmonas-do-mar e águas-vivas. 

Um coral é formado por muitos minúsculos corpos individuais agrupados. Um único coral é um composto de corpos chamados pólipos e um esqueleto calcário. Os corais crescem em diferentes formas e camadas. Assim, as camadas se acumulam para formar a topografia complexa do recife. 

Os pólipos dos corais têm uma boca cercada por tentáculos. Por essas bocas, os pólipos se alimentam, excretam resíduos e desovam. Dentro das células do pólipo vivem algas, formando uma relação simbiótica com os pólipos.

Tipos de corais

Assim como os outros animais, os corais têm diferentes “espécies”, ou seja, existem vários tipos de corais. Vale ressaltar que todos os corais pertencem à classe Anthozoa, mas existem alguns tipos, como o coral-de-fogo, que são considerados hidrocorais, ou seja, corais falsos duros.

O coral-de-fogo, inclusive, pode ter um efeito nocivo se em contato com humanos, como queimaduras intensas. No entanto, existem corais marinhos que podem até mesmo ser usados em aquários, como o Trumpet e o Hammer. Além de oferecerem um visual único, são muito importantes para certos peixes.

O que são recifes de corais?

Não sabe exatamente o que é um recife de corais? Entenda: “recife de coral” é o nome dado a uma formação geológica, subindo quase ao nível da superfície do mar, construída por um longo período, camada por camada, pelos esqueletos calcários criados pelos corais. 

A atividade ecológica dos corais do mar é influenciada por uma variedade de fatores, incluindo as outras criaturas que coexistem na área e o teor de nutrientes da água. Muitos dos recifes de coral que podem ser vistos no mundo hoje existem há mais de 5 mil anos. 

peixes e corais

Quando vários recifes de coral se formam em uma área, é possível que surja uma estrutura como a Grande Barreira de Coral Australiana, um dos Patrimônios da Humanidade pela UNESCO. Só nela, existem quase 3 mil recifes de coral, sendo uma estrutura tão grande que pode ser vista do espaço. 

Existem recifes em todo o mundo, e a área de recifes de coral ultrapassa 600 mil quilômetros quadrados. Ou seja, são animais bastante expandidos e que evoluíram bastante desde sua existência. 

Mesmo sendo organismos tão fascinantes, o aquecimento global está colocando os corais em risco, com o processo chamado de branqueamento dos corais. E quando esses animais são afetados, toda a vida marinha também sofre com as consequências.

A diversidade dos corais

Aproximadamente 70% da superfície do planeta Terra é composta pela água salgada dos oceanos. Sendo assim, o extenso ambiente de água salgada apresenta enormes variações, desde físicas (como salinidade e pressão por causa da profundidade) a substratos inconsolidados (macio e móvel) e consolidados (sólido e estável).

No mar, existem diversas espécies, mais do que sequer conhecemos. No entanto, mesmo com a variedade de organismos, é nos recifes que podem ser encontradas maiores diversidades. Além disso, esses corais marinhos são comparados com flores tropicais, devido à complexidade física, biológica e de grande diversidade.

Nos corais recifenses existe uma quantidade extraordinária de variedades e quantidades de organismos. Isso porque de quatro espécies marinhas, apenas uma vive em recifes. 

Nesses ambientes se encontra a maior diversidade de vertebrados por metro quadrado do mundo. Um exemplo, é que cerca de 65% dos peixes de mar são encontrados em recifes de corais. Além de peixes, há muitos invertebrados, como esponjas-do-mar, camarões, polvos, lagostas, entre outros.

No entanto, mamíferos são raramente encontrados. Somente em períodos de rota migratória animais cetáceos, como baleias e golfinhos, são encontrados em recifes de corais. 

A cadeia alimentar ou trófica ocorre com a transferência de energia, através da alimentação. As cadeias tróficas formam redes tróficas que consomem e servem alimento para várias espécies. Assim, o funcionamento das redes tróficas é responsável pela perpetuação dos recifes de corais. 

peixes e corais no mar
Agora você já sabe diversas informações e curiosidades sobre esses animais tão inusitados! Para continuar descobrindo mais sobre a vida ao nosso redor, não deixe de navegar entre os demais conteúdos que publicamos aqui, no blog da Petz.

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *