Como medir o pH da água da piscina?

Postado por PETZ, em Atualizado em Mar 30, 2021

Dicas
Como medir o pH da água da piscina?
Tempo de leitura: 4 minutos

Ainda mais em dias abafados, a piscina é um convite para dar um mergulho sem pensar duas vezes. Mas, para isso, é fundamental que a manutenção dos parâmetros da água seja feita corretamente. Neste caso, surgem muitas dúvidas sobre como medir o pH da água.

piscina com escada

Isso porque fazer a manutenção correta evita problemas como a transmissão de doenças infecciosas e respiratórias, a proliferação de algas e a deposição de ovos de mosquitos transmissores de doenças, como o Aedes aegypti. A seguir, saiba como medir pH da água, um dos fatores mais importantes para a manutenção da qualidade da piscina. 

Aprenda a medir os parâmetros da água

É impossível corrigir algo sem antes descobrir o que exatamente está errado. Por isso, o primeiro passo para saber como medir o pH da água a fim de garantir a qualidade da piscina é fazer a medição de seus parâmetros com uma fita teste própria para essa finalidade. 

Funciona assim: após retirar uma das fitas da embalagem, posicione-a a pelo menos 30 cm abaixo do nível da água e conte pausadamente até três. A submersão da fita é importante pois, em geral, a superfície da água apresenta características diferentes do restante da água da piscina, como uma concentração maior de contaminantes. 

Feito isso, retire a fita da água e aguarde por pelo menos 15 segundos ou até que as cores estejam nítidas. Por meio da colorimetria, a fita-teste recomendada para piscinas indica quatro parâmetros em um único teste: alcalinidade total, pH, cloro livre e ácido cianúrico. 

Com a fita e a embalagem em mãos, compare os resultados utilizando o gabarito de cores presente no tubinho. Desse modo, você aprende como ver o pH da água e aprende como fazer a correção.

A ordem dos fatores altera o resultado

Para que o tratamento da água seja eficaz, é essencial fazer a correção de cada um dos parâmetros na ordem recomendada pelo fabricante. Isso é importante pois a alcalinidade interfere no pH que, por sua vez, pode interferir na eficiência do cloro. 

piscina por dentro

A correção, portanto, deve ser feita na seguinte ordem: alcalinidade, pH, cloro livre e ácido cianúrico. Quando falamos em alcalinidade total, estamos falando na quantidade de sais minerais presentes na água, sendo que ela ajuda a evitar mudanças no pH. 

O nível ideal de alcalinidade de uma piscina fica entre 80 a 120 ppm. Abaixo disso, as condições da água favorecem a proliferação de algas e a corrosão de equipamentos. Acima, a água tende a ficar turva e aumenta o risco de o pH subir. A seguir, saiba como medir a alcalinidade da piscina antes de partir para a correção do pH.

  • Alcalinidade baixa: utilize um elevador de alcalinidade. De acordo com as orientações do fabricante, o produto deve ser diluído em recipiente com a própria água da piscina. Com o filtro desligado, aplique a mistura nas laterais da piscina, ligue novamente o filtro e deixe-o funcionando por pelo menos seis horas. Aguarde três horas antes de fazer uma nova medição. Se necessário, repita o procedimento; 
  • Alcalinidade alta: utilize um redutor de alcalinidade. O produto líquido pode ser aplicado diretamente nas laterais da piscina, conforme orientações do fabricante. O processo deve ser o mesmo realizado para elevação da alcalinidade.

Como corrigir o pH da piscina?

Com a alcalinidade corrigida, verifique na fita-teste o resultado do pH. Também chamado de potencial hidrogeniônico, o pH indica a quantidade de hidrogênio na água e pode sofrer alterações em decorrência de diversos fatores, como chuva (ácida), temperatura da água, poluição e uso de produtos químicos. 

Assim como ocorre com a alcalinidade, o tipo de correção depende do resultado. Agora, aprenda como medir o pH da água da piscina:

  • pH baixo (menor que 6,8): ácido, pode provocar irritação nos olhos dos banhistas e corrosão dos metais. Para saber como medir o pH da água, utilize um elevador de pH em versão líquida ou em pó. Enquanto este deve ser diluído com água da piscina em recipiente separado, o produto líquido pode ser aplicado diretamente nas laterais da piscina com o filtro desligado. Depois disso, ligue novamente a filtragem e aguarde por pelo menos três horas. Em seguida, faça uma nova avaliação;
  • pH alto (acima de 7,4): alcalino, pode causar irritação nos olhos e diminuir a eficiência do cloro. Para reduzi-lo, aposte em um redutor de alcalinidade e de pH, seguindo o mesmo processo utilizado na redução da alcalinidade.

plataforma de piscina

Somente após saber como se mede o pH da água e como se faz a correção da alcalinidade será possível fazer a cloração da água de maneira eficiente. Assim, você pode nadar sem correr riscos de contaminação e doenças.

Agora que sabe como medir o pH da água, veja no blog da Petz outros conteúdos incríveis para que a sua piscina esteja sempre limpinha e bem cuidada. Não deixe de conferir!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *