Brinquedos de hamster: veja os cuidados que você deve ter

Postado por PETZ, em Atualizado em Jan 10, 2019

Brinquedos de pet
Brinquedos de hamster: veja os cuidados que você deve ter
Tempo de leitura: 2 minutos

Considerando que os hamsters passam a maior parte da vida na gaiola, fica fácil entender a importância dos brinquedos de hamster.

Os acessórios proporcionam entretenimento, fortalecem a musculatura, estimulam o gasto de energia, ajudam a evitar problemas como obesidade e sedentarismo e, de quebra, muitos deles ainda auxiliam na manutenção dos dentes, já que podem ser roídos.

Mas isso, desde que sejam adequados! Do contrário, o hamster pode perder o interesse neles ou, o que é pior, acabar se machucando gravemente com esses acessórios para hamster. Para evitar que isso ocorra, vamos descobrir quais são os principais cuidados e perigos envolvendo os brinquedos de hamster?

1. Escolha brinquedos de tamanho adequado

Alguns dos brinquedos preferidos dos hamsters, como túneis e tocas, também são muito queridos por outros roedores. Por isso, muitos deles podem ser encontrados em tamanhos variados. Mas, é importante que você leve para casa somente aqueles adequados à espécie do seu peludo.

Isso porque, na melhor das hipóteses, um brinquedo pequeno demais pode acabar sendo desprezado pelo dentuço. Ou seja, dinheiro jogado fora!

O risco maior, no entanto, é de o pet ficar entalado em brinquedos de madeiras para hamster como túneis e tocas, ou de prender suas patinhas, causando ferimentos.

2. Tenha atenção redobrada com as bolas de exercício

Não é à toa que os hamsters sejam sempre associados às bolas de exercício. Esses pets têm o hábito de correr dezenas e dezenas de quilômetros por dia, o que é ótimo para que eles fiquem livres do estresse e gastem bastante energia.

Quando mal escolhidas, no entanto, as bolas de exercício podem causar sérios prejuízos à saúde do roedor. ou seja: cuidados com brinquedo de hamster Começando por seu tamanho, uma roda pequena em relação ao pet pode fazer com que ele force e curve muito sua coluna.

Outro fator de risco são bolas com espaços nos quais o hamster pode acabar prendendo as patinhas ou mesmo o rabo. Como eles correm em alta velocidade, os acidentes decorrentes disso podem ser bastante graves.

3. Adquira somente produtos feitos com materiais atóxicos

Com exceção da bola de exercícios, que deve ser preferencialmente de plástico rígido, a maior parte dos brinquedos para hamster é feita de madeira e serve para ser roída.

Sendo assim, procure saber a procedência do produto e certifique-se de que todos os materiais utilizados em sua fabricação sejam atóxicos. Isso vale não só para a madeira, mas também para a cola e para a tinta utilizada. Do contrário, o pet poderá sofrer uma intoxicação.

4. Muito cuidado com os acabamentos

Um dos problemas de adquirir brinquedos que não tenham sido desenvolvidos especificamente para os hamsters é não levar em conta o fato de que esses acessórios serão roídos. Por isso mesmo, eles nunca podem ter pregos ou qualquer outra peça que possa ser engolida ou com potencial para perfurar a boca do bichinho.

Na dúvida, adquira somente brinquedos e acessórios vendidos em lojas especializadas, como a Petz. Além disso, conte com a nossa equipe de especialistas para ajudar na hora de escolher os brinquedos ideais para o seu amigo.

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *