Aprenda a escolher as melhores rações para cães

Postado por PETZ, em Atualizado em Apr 20, 2020

Bem-Estar
Aprenda a escolher as melhores rações para cães
Tempo de leitura: 4 minutos

As diversas opções de ração atende a diferentes raças, portes, faixas etárias e necessidades, o que tem ajudado os cães a viverem melhor. Por outro lado, são tantas possibilidades disponíveis que é normal alguns tutores ficarem confusos e se perguntarem quais são as melhores rações para cães.

dois cães filhotes na grama

A fim de facilitar esse dilema rotineiro, elaboramos 5 dicas para levar em conta na hora de escolher a ração do seu pet. Assim, você garante os nutrientes essenciais que são necessários ao bem-estar do pet. 

Conheça os tipos de ração para cachorro

Ao caminhar pela seção de rações de um pet shop, é possível notar que existem opções de vários preços diferentes. Isso acontece porque a qualidade dos ingredientes muda de uma ração comparada com a outra, e isso afeta a absorção dos nutrientes.

Nesse sentido, existem três tipos de ração para cachorro:

  • Standard: com preço mais acessível, é feita de proteínas simples, que dificultam um pouco a digestão e a absorção de vitaminas;
  • Premium: mais caro que a standard, esse tipo é feito com proteína vegetal, que facilita a absorção das substâncias,
  • Super premium: apesar de mais cara, é a ração de cachorro que garante o melhor aproveitamento dos nutrientes, graças ao uso de substâncias de qualidade.

Além do preço, vale a pena pensar no custo-benefício ao comprar as melhores rações para cães. Pois, quanto menor a digestibilidade da ração, mais os cachorros comem a fim de se sentirem saciados.

No caso dos alimentos de qualidade, estes contribuem na prevenção de doenças e garantem economia devido à saciedade que dão aos bichos. Desse modo, eles garantem maior economia e cuidado com o amigo de quatro patas.

Analise a faixa etária do cachorro

Independentemente do tipo de ração escolhido por você, é fundamental ficar atento às indicações de porte e faixa etária na embalagem na hora de escolher a melhor ração para cachorro. Afinal, a quantidade de energia necessária para um cão idoso não é a mesma daquela necessária a um pet um filhote.

Da mesma forma, a ração para cães idosos e adultos, no geral, pode ser muito rica em minerais essenciais, mas que contribuem na formação de cálculos renais em pets mais velhos. Portanto, é importante se atentar a suprir as necessidades do amigo peludo de acordo com as especificidades dele. 

Analise o porte do cachorro

“Pets de diferentes portes têm exigências nutricionais diferentes. O que um cão de grande porte precisa a fim manter suas funções orgânicas difere da ração para raças pequenas. Principalmente em níveis de proteínas, minerais, vitaminas e da própria energia metabolizável”, explica a veterinária da Petz, Dra. Larissa Seibt.

Além disso, a Dra. Larissa destaca a importância do tamanho e do formato dos pellets da ração. Segundo a especialista, um pellet muito grande em relação ao porte do pet pode acabar não sendo digerido adequadamente no trato intestinal do animal.

Já um pellet pequeno demais para um cão de grande porte tende a ser deglutido sem mastigação. “Dessa forma, a ração pode passar intacta pelo estômago e intestino, tornando a dieta deficiente”, complementa a veterinária.

cachorro e gato em frente a um pote de ração

Atente-se à raça do pet

Além da indicação de porte e de faixa etária, ao procurar as melhores rações para cães, é importante pensar nas premium que atendam também às diferentes raças. Pois elas contêm especificidades quanto à adequação pet.

“Essa necessidade surgiu quando pesquisadores observaram que a nutrição poderia auxiliar, tratar ou prevenir doenças em raças puras”, explica o médico-veterinário especialista em nutrologia e metabologia animal, Dr. Eduardo Braghirolli.

Aliás, o formato e o tamanho dos pellets também é desenvolvido de acordo com o padrão da raça, a fim de facilitar sua digestão. Por causa do focinho curto, cães braquicefálicos, por exemplo, têm mais dificuldade em capturar pellets tradicionais.

“Para eles, alguns fabricantes fizeram estudos e concluíram que o melhor formato é em ‘til’ ou com alguma elevação”, cita a Dra. Larissa. Desse modo, o peludo não tem grandes dificuldades em se alimentar.

Saiba mais sobre rações medicamentosas

Além das melhores rações para cães, existem também aquelas especiais que cães com determinados problemas de saúde necessitam comer. Como, por exemplo, doenças cardíacas, renais, diabetes, entre outras.

Essas rações são desenvolvidas com níveis nutricionais específicos que ajudam no tratamento de doenças. Por isso, só devem ser usadas com orientação de um veterinário.

Mas lembre-se: a melhor forma de garantir uma nutrição balanceada, de acordo com as necessidades do seu filho de quatro patas, é levá-lo para um check-up. Dessa forma, é possível saber se ele precisa de algum cuidado individual.

quatro cachorros em frente a quatro potes de ração

Agora que você já sabe como escolher as melhores rações para cães, aproveite e confira o blog da Petz. Por lá, você fica atualizado de tudo sobre bem-estar e saúde animal!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *