Bola de pelo em gatos: o que é e o que fazer para evitar

Postado por PETZ, em Atualizado em Aug 13, 2018

Bem-Estar
Bola de pelo em gatos: o que é e o que fazer para evitar
Tempo de leitura: 3 minutos

Graças principalmente aos desenhos animados, a cena de um gato vomitando uma bola de pelos foi eternizada. Enquanto alguns tutores vêem o fato com certa dose de bom-humor, outros podem se assustar ao ver o resultado que a mania de limpeza dos bichanos traz. E você, já ficou em dúvida quanto a bola de pelos em gatos serem ou não prejudiciais para o seu amigo?

Pois saiba que, apesar de comuns, as bolas de pelo podem sim trazer problemas para o pet. Principalmente quando se formam com muita frequência ou não são expelidas de maneira natural facilmente.

Nesse caso, buscar informações sobre o assunto ajuda, mas é essencial falar com um veterinário a fim de garantir a saúde do seu gato.

Bola de pelo em gatos: saiba como e por que ela se forma

bola de pelos

Como sabemos, os gatos são animais extremamente limpos. Acontece que, diferente dos cachorros, eles mesmos costumam cuidar da sua higiene ao se lamberem. Para isso, eles contam com uma língua áspera, capaz de remover a poeira e os pelos soltos.

O problema é que, depois de removidos com a língua, esses pelos acabam sendo ingeridos pelos gatos, formando no estômago o chamado tricobezoar, em outras palavras, a famosa bola de pelos!

Quando a bola de pelo em gatos é motivo de preocupação

Considerando situações normais, o ideal mesmo é que todo pelo ingerido na limpeza seja eliminado gradualmente pelas fezes. No entanto, se tratando de gatos com pelo longo ou em estações de troca de pelo (primavera e outono), é esperado que eles eliminem até uma bola de pelo por semana via oral.

O maior risco, portanto, é quando essas bolas se formam, mas não podem ser eliminadas e acabam ficando presas no intestino dos bichanos. Por isso, fique atento a estes sintomas de bola de pelo em gatos:

  • Desconforto abdominal;
  • Vômitos;
  • Diarreia ou fezes ressecadas;
  • Falta de apetite,
  • Apatia.

Ao notar qualquer um desses sinais, leve imediatamente seu amigo para um veterinário. Além de poder orientá-lo, pode ser que seja necessária algum bola de pelo gato tratamento, como a remoção cirúrgica do tricobezoar.

Seja como for, quanto antes você procurar ajuda, maior a chance de ficar tudo bem com seu peludo.

Prevenindo a formação de bolas de pelo

bola de pelo em gatos

Como dito anteriormente, as bolas de pelo são um resultado comum e até esperado da auto-higiene dos gatinhos. Mas, não custa nada dar uma mãozinha aos bichanos para evitar que elas se formem. Para isso, basta seguir alguns cuidados:

  • Tenha o costume de escovar o pelo do seu gato desde filhote. Assim, as escovações semanais se tornarão cotidianas, ajudando na remoção dos pelos;
  • Não deixe de levar o seu amigo para consultas regulares no veterinário. Em alguns casos, problemas de intestino podem estar por trás de causas regulares de tricobezoares;
  • Mantenha seu amigo hidratado e forneça a ele somente rações de qualidade, que tenha alta digestibilidade e nutrientes essenciais para ele,
  • Forneça brinquedos e estimule o bichano a se movimentar. Atividades físicas ajudam no funcionamento do organismo, incluindo o intestino.

Se notar que seu gato vem eliminando bolas de pelo com frequência, procure um veterinário. Ele poderá recomendar rações, petiscos e até pastas direcionadas, feitas especialmente para a prevenção do tricobezoar.

Para garantir que a bola de pelo em gatos não seja um problema, compre os acessórios para escovação e higiene. Na Petz você encontra uma variedade de opções desses produtos, basta procurar a unidade mais próxima a você ou acessar o site!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 Comentários

Telma Motta - 30/09/2018

Gostei do assunto da bola de pelo.

ELZA Maria dos Reis - 30/09/2018

Não tenho gatos porém achei às informações muito útil. Gostei

Deisi Sartori - 30/09/2018

Muito obrigada pelas dicas, tenho dois gatinhos de dois anos.

Marizilda Guerato - 01/10/2018

Adoreiiiiiiiii a matéria. Muito elucidativa.

Maria Lúcia Fernandes de Souza - 02/10/2018

Amei saber sobre os pelos dos gatos.

Maria Lúcia Fernandes de Souza - 02/10/2018

Ameai saber sobre os pelos dos gatos.quero saber mais coisas sobre gatos. Pois tenho 18 gatos

Miriam, Lúcia - 02/10/2018

Gostei muito das informações sobre bolas de pelos, o meu gato é muito peludo sempre mando tossar exatamente por 6,para mim foi as informações

Irailded Santos - 03/10/2018

Adorei a matéria pois,tenho 8 gatos e sempre ficava na dúvida sobre a bola de pelo

Weslaine Leonel Ferreira - 03/10/2018

– muito bom essas informações.

Glória Maria França - 03/11/2018

Amo receber informações sobre detalhes do bem cuidado com o gato. Tenho dois e é sempre bom dicas importantes.

Glória Maria França - 03/11/2018

Amo receber informações sobre detalhes do bem cuidado com o gato. Tenho dois e é sempre bom dicas importantes.
Engano seu quando diz que já fiz esse comentário. É a primeira vez que vejo, que recebo esse link.