Saiba tudo sobre cachorro com verme e como identificá-los

Postado por PETZ, em Atualizado em Jun 24, 2019

Bem-Estar
Saiba tudo sobre cachorro com verme e como identificá-los
Tempo de leitura: 5 minutos

De repente, seu melhor amigo, que era alegre, comilão e cheio de energia, ficou tristonho, amuado e sem fome? Tais sintomas costumam aparecer em boa parte das doenças e também podem indicar quando é um caso de cachorro com verme.

Somente um médico-veterinário é capaz de identificar o problema e a oferecer um diagnóstico de cachorro com verme mais preciso.

Mas, para que os tutores não se desesperem, a seguir, vamos te ensinar a reconhecer um cachorro com verme!

Estilo de vida canino: o primeiro sinal de que o cachorro pode estar com verme

Nenhum cachorro está livre de contrair uma verminose. No entanto, assim como os fatores, o estilo de vida contribui para as infestações de vermes de cachorro.

“A verminose é um problema muito comum nos cães. E, mesmo que o pet seja vermifugado corretamente, ele sempre está suscetível a novas infestações ao passar por determinadas situações”, explica o médico-veterinário da Petz, Dr. Felipe Gabriel.

Entre esses hábitos, ele cita:

  • Frequentar lugares com grande fluxo de animais, como parques, creches ou canis;
  • Ingerir as próprias fezes ou as fezes de outros animais (coprofagia);
  • Morar ou viajar para região litorânea;
  • Estar com infestação de ectoparasitas (pulgas e carrapatos). 

De acordo com o veterinário, se o seu pet anda apático e passou por uma dessas situações, ele pode estar com uma verminose.

Quais os sintomas de cachorro com verme?

Além do histórico, alguns sinais podem indicar que seu cachorro está com parasitas no organismo. Entre eles, o especialista cita:

  • Diminuição do apetite;
  • Sangue nas fezes;
  • Presença de vermes nas fezes;
  • Mudança na textura das fezes;
  • Perda anormal de peso;
  • Pelagem fraca e opaca;
  • Fraqueza;
  • Abdômen distendido;
  • Vômito;
  • Cachorro com o hábito de esfregar o bumbum no chão.

Como visto, alguns sintomas são comuns a diversas outras doenças. Já outros, como a presença de vermes nas fezes, são bastante específicos.

Nesse sentido, é importante destacar que quando um pet elimina vermes pelas fezes, é porque a infestação está em estágio avançado.

Por isso, não espere chegar a esse ponto! Ao perceber qualquer mudança no comportamento do seu filho de quatro patas, leve-o o quanto antes ao veterinário.

Os principais tipos de verminose canina

Ainda que alguns sintomas sejam comuns, eles podem variar de acordo com o parasita.

Além disso, a forma de contaminação também é diferente. Sendo assim, é importante conhecer os vermes que mais afetam os cachorros.

Abaixo, entenda mais sobre os vermes mais comuns:

Ancilostomíase (Ancylostoma caninum)

A infestação ocorre por meio da ingestão de água e de alimentos contaminados ou pela penetração através da pele, de onde o parasita atinge a corrente sanguínea e vai para o intestino.

Nos filhotes, a contaminação também pode ocorrer por meio do leite materno. Mais comum em recém-nascidos, a doença precisa ser tratada o quanto antes. E, por isso, o uso de remédio de verme para cachorro filhote é fundamental!

Essa infestação também é uma das principais causas de anemia em cachorros adultos. E, entre os sintomas estão sangue nas fezes, além de fezes escuras e diarreia.

Toxocaríase (Toxocara canis)

Os ovos desses vermes de formato chato são eliminados nas fezes do animal hospedeiro. Quando ingeridos por um cão saudável, viram larvas no intestino dele e podem atingir a corrente sanguínea.

“Elas precisam passar por órgãos como brônquios e traqueia antes de voltar ao intestino, onde atingem a maturidade e eliminam novos ovos”, explica o Dr. Felipe.

A verminose é mais comum em cadelas prenhes e em filhotes. Além disso, pode ser transmitida para seres humanos.

Dirofilariose (Dirofilaria immitis)

Trata-se do parasito também conhecido como “verme do coração”, já que é nesse órgão que ele se aloja. A transmissão ocorre pela picada de um mosquito (Aedes ou Culex) que tenha picado, previamente, outro hospedeiro infectado.

Por isso, o uso de repelentes e de vermífugos é especialmente indicado para pets que vivem na região litorânea.

Quando chegam à fase adulta, os vermes da dirofilaria podem começar a obstruir o coração, causando sintomas como dificuldade respiratória, tosse, cansaço, emagrecimento e mucosas arroxeadas.

Giardíase (Giardia lamblia)

Não se trata exatamente de uma verminose, já que é causada por protozoários e o cachorro com verme tem remédio indicado pelo especialista.

A transmissão ocorre por meio da eliminação de cistos nas fezes do pet contaminado. Esses cistos são muito resistentes e podem sobreviver por meses nos ambientes.

Depois de ingerido por um cão, o protozoário se aloja no intestino do pet, causando sinais clínicos gastrintestinais. Entre eles, a diarreia com muco de odor forte e com sangue, vômitos, fraqueza e dor abdominal.

Diagnóstico e tratamento de cachorro com verme

Não existe um único exame capaz de identificar qualquer tipo de verminose e que aponte como curar cachorro com verme.

Daí a importância de apresentar ao veterinário um histórico completo do pet, para ajudá-lo a chegar mais rápido a um diagnóstico.

“Para os parasitas intestinais, o diagnóstico ele pode ser feito por meio de exame coproparasitológico de fezes”, diz o Dr. Felipe.

Como não é sempre que o organismo libera cistos ou vermes pelas fezes, o exame deve ser feito de forma seriada, coletando-se três amostras em um intervalo de 3 a 5 dias, evitando um falso negativo.

Já para outros tipos de verminose podem ser solicitados exames sorológicos, que identificam, por exemplo, a dirofilariose (verme do coração).

Diagnosticado o problema, o tratamento varia de acordo com o tipo de verminose. E, pode ser administrado apenas um antiparasitário, em dose e frequência recomendadas pelo veterinário.

Para evitar o transtorno das verminoses em seu filho de quatro patas, procure levá-lo para um check-up ao menos uma vez por ano e converse com especialista sobre o uso de vermífugos.

Na Petz, você encontra remédios para cachorros com verme sintomas e para diferentes espécies, portes e necessidades!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *