Como fazer cachorro parar de latir: 6 passos para um pet calmo

Postado por PETZ, em Atualizado em Aug 16, 2019

Cães
Como fazer cachorro parar de latir: 6 passos para um pet calmo
Tempo de leitura: 5 minutos

Cachorros podem ser os melhores amigos do homem, pois oferecem atenção, companheirismo e muito amor. Mas até mesmo os mais queridos podem, às vezes, se tornar bastante desagradáveis com seus hábitos únicos ou barulhos excessivos. E, por isso, a dúvida de muitos tutores é: como fazer cachorro parar de latir?

Além de incomodar, um pet barulhento pode trazer problemas com vizinhos, afastar visitas e causar grande incômodo. Por isso, separamos sete dicas para quem busca melhorar a relação com o animal e ter uma amizade ainda mais especial e recíproca.

Cachorros vão latir

Antes de tudo, é importante que uma coisa fique clara: cachorros latem. É sua forma natural de se expressar e se comunicar, demonstrando alegria por alguém que acabou de chegar ou estranheza com algum desconhecido.

Por isso, para quem ama cachorros, conviver com latidos é algo normal, e até prazeroso. Apesar disso, é importante identificar quando o latido é natural e quando é excessivo e está virando um problema para você e até mesmo para seu amigo.

Mas por que o cachorro late?

Já sabemos que o latido é a forma do cachorro se expressar, mas o que será que ele está querendo nos dizer? Na verdade, o latido pode ter muitos significados, e alguns tutores sabem até identificar os sinais de seu pet por meio dele.

Em alguns momentos, quando seu amigo está animado ou feliz, o latido é normal e bem-vindo. Porém, há casos que o som pode incomodar. Aqui vão algumas razões que ajudam a explicar porque os cachorros latem:

  • proteção: cachorros são muito territorialistas. Ao perceber alguém estranho no seu “domínio”, ele pode latir para afastar o invasor;
  • medo: às vezes, o cachorro pode latir por receio ou medo. Ao se sentir ameaçado, ele começa a latir para atrair atenção e conseguir ajuda;
  • alarme: alguns cachorros se sentem o fiel escudeiro de seu tutor. Ao perceber algo que ele não gosta, o cão pode latir para lhe avisar;
  • solidão: não se esqueça que os cães são animais muito sociáveis. Eles gostam de convivência e amizade. Ficar sozinho é uma tortura para um cachorro e ele poderá latir para encontrar companhia,
  • tédio: cachorros são muito ativos e precisam gastar sua energia! Se ficar sozinho em casa sem ter como brincar, o cachorro vai latir por puro tédio.

O primeiro passo para evitar um cachorro barulhento é tentar evitar situações que geram latido. Além disso, separamos sete dicas que te ajudarão a diminuir os latidos de seu amigo.

1. Atue diretamente na causa do latido

Como dito anteriormente, o latido é uma das principais formas que o cachorro tem de se comunicar. Sendo assim, nada mais natural do que ele latir para avisar que está com fome, sede, medo, sentindo-se sozinho, entediado ou com dor.

Antes de tomar qualquer medida para diminuir os latidos, é fundamental identificar a causa e agir sobre ela. Por exemplo, se o cachorro late para avisar que está com fome, procure criar uma rotina. Já se o cachorro late por estar entediado, compre brinquedos interativos para estimulá-lo.

2. Não grite!

Por mais que seu filho de quatro patas seja inteligente, ele não vai entender o que está sendo dito. Portanto, ao gritar, você deixa o pet ainda mais excitado e, pior, vai mostrar que em sua casa fazer barulho é permitido.

Cachorros aprendem muito por observação: se notarem que seu tutor está calmo e tranquilo, vão relaxar e parar de latir. Por isso, em vez de aumentar o tom de voz, faça o oposto e fale de maneira firme, porém controlada. Isso ajudará o pet a entender que não é uma situação alarmante.

3. Recompense o esforço

Cachorros adoram um petisco, e isso pode ser utilizado para o treinamento! Se você tem um amigo que está latindo demais, espere ele parar de latir. Quando isso acontecer, recompense-o com um petisco ou um afago na barriga.

Pouco a pouco, ele vai aprender que os latidos não são a melhor forma de conseguir o que deseja e, ele deve parar de latir excessivamente.

4. Imponha limites

Uma dúvida de muitos tutores é como fazer o cachorro parar de latir à toa. Como já foi dito, os cachorros vão latir naturalmente, o importante é que não seja excessivo.

Para não estressar seu amigo, cada vez que ele fizer barulho, imponha um limite de latidos. Por exemplo, deixe ele latir 5 vezes sem incomodá-lo. Após este número, comece a pedir, de maneira calma e firme, que ele pare. E recompense-o quando ele fizer isso.

5. Proporcione um espaço tranquilo

Se você tem um filho de quatro patas nervoso e que late em diversas situações, considere garantir a ele um espaço mais tranquilo. Essa zona, pensada exclusivamente para o cachorro, pode ser útil em diversas ocasiões, como no momento em que visitas chegam ou quando os tutores saem da casa.

Pode ser um quarto pequeno com caminha, seus brinquedos favoritos, água e comida, além de pouco barulho. Faça um espaço bem confortável para que seu amigo se tranquilize em situações estressantes.

Para isso, você pode contar até mesmo com a ajuda de feromônios sintéticos, que você encontra em lojas como a Petz.

6. Tenha um colar anti-stress

Em algumas situações, especialmente em queima de fogos e tempestades, é muito difícil fazer com que seu amigo fique tranquilo. Mas, hoje, é possível encontrar os chamados colares anti-stress. São dispositivos que abraçam o pet em pontos certos, dando-os segurança e tranquilidade, ajudando na hora de controlar o latido.

E lembre-se: o latido é natural dos cachorros e é um sinal que seu amigo quer conversar e se expressar. E é claro, ninguém quer que seu pet fique quieto e apático, não é mesmo?

Latidos saudáveis são sempre bem-vindos! Na Petz, você encontra produtos que ajudam na hora de educar seu filho de quatro patas. Venha nos visitar e conheça nossas lojas!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!