Calopsita doente: 5 sinais de que sua amiga precisa de ajuda

Postado por PETZ, em Atualizado em Mar 19, 2020

Dicas
Calopsita doente: 5 sinais de que sua amiga precisa de ajuda
Tempo de leitura: 4 minutos

Quem tem uma calopsita em casa, logo aprende a se comunicar com essa divertida ave! Porém, perceber uma calopsita doente pode ser um desafio para tutores desavisados. 

Expressivo e comunicativo, esse pet sabe passar sua mensagem. Entretanto, às vezes, precisamos aprender a entender alguns sinais para poder ajudar nossa amiga penosa.

calopsita branca parada

Se você está preocupado com a saúde de sua ave, está no lugar certo. Separamos 5 sinais para notar uma calopsita doente. Continue lendo para saber mais! 

Penas frágeis e opacas

A calopsita é uma ave conhecida por sua beleza e personalidade divertida! E as penas estão entre suas características mais charmosas. Coloridas e brilhantes, elas são um sinal de saúde e bem-estar! 

Assim, se você notar que a penugem do seu pet voador está com aspecto opaco e frágil, este pode ser um sinal de calopsita doente. Caso você note queda de penas, é necessário buscar um veterinário o mais rápido possível. 

Geralmente, as penas são um indicativo da alimentação e do bem-estar geral do pet. Pássaros estressados  ou com má nutrição terão uma manifestação de seus problemas na penugem. Fique de olho e sempre busque o auxílio de um especialista. 

Respiração chiada

As calopsitas são pets muito interativos. Geralmente, adoram passar longos momentos se divertindo ao lado de seu tutor. Assim, é fácil perceber alguns sinais caso sua amiga voadora esteja com um problema de respiração. 

Observe a região próxima ao nariz para notar secreções ou manchas. Outro sinal de que o pássaro está doente é a respiração chiada. Geralmente, as aves de estimação fazem barulho apenas quando querem se divertir, cantando ou brincando. Se, mesmo quando o pet está em silêncio, é possível ouvir o chiado de sua respiração, este pode ser um sinal de calopsita doente. Nesse caso, o melhor é buscar ajuda profissional. 

Fezes diferentes

Pássaros são diferentes de outros pets por vários motivos. Na hora de ir ao banheiro, por exemplo, nossos amigos voadores economizam tempo: o xixi e o cocô saem juntos. 

Para as calopsitas não é diferente, e as fezes devem possuir um aspecto saudável. Geralmente, as necessidades de nossas amigas são consistentes e em uma cor verde-escura. Como também secretam ácido úrico, muitas vezes, o cocô vem acompanhado de um líquido branco ou transparente. 

Porém, alterações na cor ou na consistência das fezes da sua ave podem indicar uma calopsita doente. Caso sua amiga esteja fazendo necessidades com coloração amarela, vermelha ou marrom, é hora de buscar um veterinário. Fezes muito líquidas também indicam um problema intestinal. Não deixe de procurar auxílio!

Mudança de comportamento

Divertidas e brincalhonas, as calopsitas sempre levam alegria por onde passam! Assim, se você perceber que sua amiga está um pouco desanimada, talvez haja algo de errado. 

calopsita em cima de galho

Uma calopsita doente dificilmente terá ânimo e energia para fazer suas palhaçadas diárias. Geralmente, pássaros com enfermidades preferem passar o dia na gaiola, sem interagir muito com seus tutores. 

Diversas doenças de calopsita podem causar esse comportamento e, para um diagnóstico e tratamento adequados, busque a ajuda de um veterinário. 

Alimentação descontrolada

Você provavelmente já ouviu falar de alguém que “come como um passarinho”, não é mesmo? Esse dito popular indica uma pessoa que come pouco, já que nossos amigos voadores costumam se saciar com alguns gramas de ração por dia. 

Entretanto, se perceber que a rotina de alimentação de sua amiga se modificou de maneira repentina, talvez você esteja com uma calopsita doente. Muitas enfermidades causam a falta de apetite. 

Porém, a alimentação excessiva também é um problema. Parasitas, por exemplo, podem fazer o pet comer de forma descontrolada. E o mesmo vale para a hidratação. 

Caso o pássaro esteja bebendo mais água que o normal, é necessário buscar a ajuda de um veterinário. Doenças renais ou diarreia podem fazer com que sua amiga procure mais fontes de alimento e água. 

Como evitar uma calopsita doente

Ter um pet em casa certamente traz algumas responsabilidades. E notar que nossos companheiros estão doentes pode ser muito doloroso. Para evitar ter uma calopsita doente em casa, algumas práticas podem ajudar! 

Manter a saúde de nossos amigos é a melhor forma de evitar problemas de saúde. Alguns passos para o bem-estar de sua ave são: 

  • Ofereça ração de qualidade: muitas vezes, tutores acreditam que, para cuidar de um pássaro, bastam algumas sementes. Não se engane! Calopsitas precisam de uma alimentação rica em diversos nutrientes. Busque sempre uma ração de qualidade para sua amiga. 
  • Forneça diversão e atividades: calopsitas são pets muito interativos e brincalhões, elas adoram se divertir com seus tutores. Caso não seja possível passar muito tempo com seu pássaro, ofereça brinquedos, poleiros e outras atividades que o pet consiga realizar sozinho. 
  • Faça visitas regulares ao veterinário: a melhor maneira de prevenir doenças é ter o olhar atento de um especialista regularmente. Pássaros também precisam visitar um veterinário de tempos em tempos. Assim, o médico poderá realizar exames e verificar como anda a saúde de seu amigo penoso. 

calopsita doente em cima do galho

Seguindo os cuidados com calopsita citados acima, será mais difícil ter uma calopsita doente em casa. Lembre-se de que aves domésticas sempre precisam de cuidado, carinho e atenção para uma vida saudável. E, se estiver buscando itens para pássaros, procure a Petz mais próxima de você! Aqui, você encontra acessórios, ração e tudo o que sua amiga voadora precisa. Venha nos fazer uma visita! 

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *