Afinal de contas, cachorro tem chulé? Descubra!

Postado por PETZ, em Atualizado em Apr 12, 2021

Bem-Estar
Afinal de contas, cachorro tem chulé? Descubra!
Tempo de leitura: 3 minutos

Se você chegou até aqui é porque já sentiu aquele cheiro de salgadinho nas patas do seu amigo e desconfia que seu cachorro tem chulé. Mas você sabe de onde vem o odor característico? Ele pode ser chamado de chulé? O cheiro forte é normal ou pode estar associado a algum problema de saúde?

cachorro dando a pata

Para responder a essas questões, conversamos com a Dra. Louise Veiga da Silva Siqueira, veterinária da clínica Petz Bonocô, em Salvador. Então, para saber se o seu cachorro tem chulé mesmo, continue com a gente! 

De onde vem o cheirinho de chulé nas patas do cachorro?

Antes de mais nada: sim, o cheiro que emana das patas do pets pode ser considerado chulé. Isso porque o processo que dá origem ao odor característico é o mesmo de quando nós, humanos, usamos um sapato abafado por muito tempo.

“Os cães transpiram pelas almofadinhas das patas. Assim, quando há excesso de umidade ou problemas de pele, pode haver a proliferação de micro-organismos que levam ao odor”, explica a veterinária.

Isso, em geral, ocorre em dias muito quentes ou depois que o pet realizou atividades físicas intensas. O excesso de transpiração, portanto, pode resultar em um cachorro com chulé

Isso é normal ou pode ser sinal de problemas de saúde?

Um cachorro com cheiro de chulé suave, sentido apenas quando estamos próximos das patas do bichinho não costuma ser sinal de problemas mais graves. Já quando o odor se torna muito forte e está presente em todos os momentos, é melhor ficar atento. 

“Se a carga bacteriana for muito alta, ela pode se tornar prejudicial”, alerta a Dra. Louise. Isso pode levar a patas de cachorro com mau cheiro. Leveduras ou mesmo problemas que afetam as patas (não necessariamente as almofadinhas) podem ser o motivo pelo qual seu cachorro tem chulé. 

Nesse sentido, observe se o pet apresenta outros sintomas, como dificuldade para apoiar a pata no chão, inchaço, formação de crostas, vermelhidão, entre outros. Em caso afirmativo, agende uma consulta com um médico-veterinário para seu amigo o quanto antes.

cachorro correndo

O que fazer para acabar com o chulé?

Ok, agora você já sabe que os cachorros têm chulé. Entretanto,  isso deve ser entendido como algo natural, na maioria das vezes. Afinal, o excesso de cuidados de higiene pode causar problemas maiores, como alergia e desequilíbrios. 

Dito isso, alguns cuidados no dia a dia podem evitar a proliferação descontrolada de micro-organismos, diminuindo o mau cheiro. Confira abaixo como acabar com o chulé dos cachorros:

  • Não deixe que as patas do seu amigo permaneçam molhadas por longos períodos. Depois do banho ou após um passeio em dia de chuva, seque bem o peludo. A umidade é um dos fatores que contribuem para a proliferação de fungos;
  • Como tratar chulé de cachorros envolve higiene na medida certa, sempre limpe as patinhas do seu amigo após os passeios;
  • Havendo necessidade de sapatos próprios para cães por condições especiais, evite o uso prolongado do acessório. Isso porque ele ajuda a abafar a região, favorecendo a proliferação de micro-organismos.

Segundo a Dra. Louise, da Petz, hidratantes para cães, específicos para a região dos coxins, não têm a função de controlar a proliferação de bactérias. Porém, apesar de não diminuírem o chulé, eles são úteis para recuperar a barreira cutânea das almofadinhas, que sofrem com o atrito diário. 

“O hidratante pode ser aplicado de duas a três vezes por semana, a depender do estilo de vida e das necessidades do pet”, afirma a especialista. Sempre que possível, converse com um médico-veterinário para entender melhor as necessidades particulares do seu amigo de quatro patas. 

pata de cachorro

Gente como a gente (ou quase), os cachorros têm chulé, sim! Porém, agora você já sabe quais são as causas dessa condição e também que o chulé não costuma indicar algo grave. Se gostou desse conteúdo e quer saber mais curiosidades sobre seu bichinho, não deixe de conferir outros textos aqui, no blog Petz!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *