Cachorro vomitando sangue: quando é preciso se preocupar

Postado por PETZ, em Atualizado em Oct 26, 2020

Cachorros
Cachorro vomitando sangue: quando é preciso se preocupar
Tempo de leitura: 4 minutos

Deparar-se com o vômito do amigo de quatro patas já é algo bastante preocupante. Agora, imagine quando, além do conteúdo estomacal, um tutor se depara também com um cachorro vomitando sangue? Nada mais compreensível do que ficar alarmado e querer saber o que pode estar acontecendo.

cachorro doente

Antes de entrar em desespero, porém, vale a pena ler esta matéria. Afinal, quando o cachorro vomita sangue nem sempre é sinal de uma doença grave. De qualquer maneira, é importante manter a calma e observar outras características do vômito a fim de auxiliar o veterinário a chegar num diagnóstico mais rapidamente.

Afinal, o que pode ser um cachorro vomitando sangue?

“O vômito com sangue pode sugerir que o pet está com alterações no estômago, como inflamações e úlceras”, explica o Dr. Rafael Fonseca, médico-veterinário da Petz. “Quando o cachorro vomita sangue também pode indicar alterações em fatores sanguíneos correlacionados à coagulação”, completa.

Ambos os casos referem-se a condições mais graves. No entanto, ao se questionar o que pode ser cachorro vomitando sangue, saiba que existem problemas de saúde menos severos que podem resultar nessa situação. 

Alguns deles são lesões superficiais na cavidade bucal provocadas por algum brinquedo, por exemplo, ou o resultado do esforço contínuo para vomitar. Na dúvida, é indicado levar seu peludo a uma consulta com um médico-veterinário.

Além de doenças infecciosas ou inflamatórias no sistema gastrointestinal, o vômito com sangue também pode estar associado a lesões causadas por corpos estranhos no esôfago, ou mesmo à insuficiência renal crônica.

Algumas substâncias tóxicas, como as presentes em alguns produtos de limpeza, são corrosivas e podem provocar lesões. Então, ao se questionar “meu cachorro vomitou sangue, o que pode ser?”, saiba que esse sintoma pode ser resultado de intoxicação alimentar.

cachorro doente em casa

Como auxiliar no diagnóstico

Ao perceber que o cachorro vomitou, muita gente quer mais é limpar logo a meleca. Mas vale a pena enfrentar o nojo natural e observar quais são outras características do material expelido. “O aspecto do vômito auxilia o veterinário a identificar qual órgão pode estar comprometido e se há outras alterações associadas”, diz Rafael.

Nesse sentido, alguns sites recomendam que, se possível, o tutor leve uma amostra do vômito à consulta com o veterinário. Segundo Rafael, isso não é necessário, já que o armazenamento inadequado pode, inclusive, mudar as características da amostra. 

“Porém, caso o tutor tire uma foto do vômito, o veterinário poderá analisar o quadro do pet, associando-o a possíveis doenças”, orienta o especialista. Em relação ao diagnóstico, é importante ficar claro que, em geral, a análise do vômito sozinha não é suficiente para estabelecer um diagnóstico.

Além dela, também é necessário que o veterinário converse com o tutor para entender melhor o histórico do pet e se ele apresentou outros sintomas. Alguns exames laboratoriais e de imagens também podem ser solicitados para saber o motivo que leva ao cachorro vomitando sangue.

Cachorro vomitando sangue: o que fazer?

Como visto, diversas causas podem estar associadas ao vômito com sangue. Por isso mesmo, não é recomendado tentar fazer um diagnóstico em casa. Mesmo suspeitando de problemas menos graves, é importante procurar um médico-veterinário.

Em primeiro lugar, ao pensar “meu cachorro vomitou sangue, o que devo fazer?”, preste atenção à tonalidade da substância. Em geral, o sangue mais vibrante e avermelhado indica lesões em tecidos e estruturas próximas, como mucosa da boca, língua, gengivas, etc.

Já um sangue mais amarronzado pode ter origem em algum órgão interno, como estômago ou intestino. Especialmente quando o sangue parecer fresco, abra a boca do cachorro e procure identificar se há alguma lesão ou corpo estranho presente na cavidade oral.

Além da tonalidade e da quantidade de sangue, observe também outras características do vômito. Por exemplo: pedaços de ração ingerida, algum objeto estranho, a coloração do vômito, se está acompanhado de espuma… Se possível, tire uma foto do vômito para apresentá-la ao veterinário. Isso ajudará a chegar no diagnóstico.

Por último, mas não menos importante, fique atento à presença de outros sintomas importantes, como: salivação excessiva, dores abdominais, diarreia, falta de apetite, letargia e tosse. Em caso afirmativo, procure atendimento para seu amigo quanto antes!

cachorro escondido

E para saber mais sobre possíveis doenças de animaizinhos ou dicas de cuidado com os peludos, confira mais conteúdo no blog da Petz. Além de descobrir o motivo que deixa o cachorro vomitando sangue, você pode encontrar mais informações interessantes sobre os pets.

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *