Como criar calopsita solta: aprenda 3 super dicas

Postado por PETZ, em Atualizado em Apr 8, 2020

Aves
Como criar calopsita solta: aprenda 3 super dicas
Tempo de leitura: 3 minutos

Com um topete de dar inveja, calopsitas são ótimos pets para quem gosta de uma boa companhia. E sabemos que é legal manter esses animaizinhos sempre em um lugar confortável e que proporcione a eles a liberdade que tanto merecem. Por esse motivo, separamos dicas de como criar calopsita solta.

calopsita parada na frente de arvore

Aves precisam de um espaço grande onde soltar suas asas, assim, elas se sentem muito mais felizes e sua expectativa de vida aumenta. Portanto, alguns passos e dicas ajudam a manter a segurança do pet na hora de deixar o animal solto pela casa.

Por que criar a calopsita solta?

Calopsitas são pássaros, e, para que pássaros vivam com saúde e felizes, eles precisam de grandes espaços. Assim, gaiolas e grades não são os ambientes mais adequados quando o assunto é deixar o animal satisfeito.

Portanto, se você mantém seu amigo de asas na gaiola, siga algumas dicas e ele facilmente conseguirá se inserir no ambiente da sua casa. Seja em um cômodo ou pela casa toda. 

Uma boa observação é que, no caso de filhote de calopsita, o adestramento para viver em ambientes abertos é mais fácil. Então, se você adotou um amigo penoso recentemente, siga esses passos e ele se adaptará muito rapidamente ao novo habitat.

Mantenha sua casa segura

Antes de decidir soltar a calopsita, note primeiro se não há nenhuma chance dela fugir. Se isso acontecer, é bem provável que se perca e não se adapte às condições da rua. 

Então, na criação de calopsita solta, é importante colocar um rastreador nela, assim, em casos extremos, é possível saber onde encontrá-la. Além disso, coloque tela em qualquer espaço ou fresta. Desse modo, você evita que a ave fuja para o lado de fora. 

Esses dois primeiros passos garantem que você explore mais o pet e consiga treiná-lo em casos de, por exemplo, alguém abrir a porta e, por descuido, esquecer-se de que a ave estava solta

calopsita em pé

Não deixe a calopsita sozinha

Se você optou por deixar a calopsita solta, faça isso somente quando estiver em casa. Pois, se não houver supervisão do tutor, ela corre perigo também no ambiente interno. 

Além disso, agora que sabe como criar calopsita solta, certifique-se constantemente de onde está o pássaro. Como é super pequeno, é possível que em algum momento ele se enfie em algum canto em que seja difícil de achá-lo.

E, caso ela encontre algum local como ninho, pode se reproduzir em partes improváveis da sua casa, então, fique atento a isso se você tiver calopsitas macho e fêmea no mesmo ambiente.

Posso cortar as pontas das asas de uma calopsita?

Calopsitas conseguem viver tranquilamente sem grandes voos. Ainda mais elas, que são domesticadas e se adaptam a ambientes não muito grandes. Então, se você não sabe como criar uma calopsita solta do modo mais seguro possível, comece cortando a ponta de suas asas, mas com cuidado para não machucá-la.

Perceba que as asas desse pássaro possuem camadas, uma curta, uma média e uma mais longa. O corte que não a machuca e ainda permite que voe pequenas alturas é o da camada mais longa e das primeiras dez penas. Além disso, é essencial que sejam cortados os dois lados das asas, assim, ela não perde o equilíbrio.

Opte por cortá-las em momentos em que as calopsitas estejam mais calmas, dessa maneira, é possível evitar que corte errado por algum descuido. Se tiver dúvidas, consulte um médico-veterinário para não correr o risco de prejudicar o pet. 

calpsita voando

Agora que você sabe como criar calopsita solta e de maneira segura, confira o blog da Petz. Por lá, você fica antenado sobre curiosidades e dicas sobre essa ave super fofa.

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *