Peixe comendo peixe no aquário: o que pode ser?

Postado por PETZ, em Atualizado em Aug 14, 2020

Aquário
Peixe comendo peixe no aquário: o que pode ser?
Tempo de leitura: 3 minutos

Não importa se o aquário tem 3, 10 ou 30 peixes como parte do ecossistema. Só quem é ou já foi aquarista sabe que cada indivíduo é importante e quanto dói perceber que tem peixe comendo peixe de uma hora para outra. 

aquário com um único peixe

Quando a espécie comilona não é famosa por um comportamento agressivo ou hábito carnívoro, a situação deixa muitos aquaristas com a pulga atrás da orelha, tentando entender qual é a causa do problema.

Ao contrário do que muitos pensam, peixes podem comer outros indivíduos por motivos que vão muito além de temperamento ou hábito alimentar estritamente carnívoro. Alimentação dos peixes inadequada e estresse são alguns dos motivos que podem levar ao comportamento. A seguir, confira quatro causas comuns do “canibalismo” entre peixes. 

1. Incompatibilidade de espécies

A compatibilidade de espécies está ligada principalmente a fatores ambientais, como os parâmetros da água. Nesse sentido, cada espécie depende de uma faixa de temperatura e de pH adequadas ao bom funcionamento de seu metabolismo.  

Na hora de escolher os peixes do aquário, é fundamental buscar informações, pois, embora, muitas vezes, isso signifique escolher espécies que compartilham o mesmo habitat, não quer dizer que uma não possa comer outra. Lembre-se de que, na natureza, é comum que peixes grandes ou carnívoros se alimentem de peixes menores. 

Portanto, ao montar um aquário, evite juntar peixes agressivos e muito tranquilos no mesmo espaço, assim como espécies de tamanhos muito diferentes. Essa é uma forma de evitar contato entre peixe que come outros peixes.

2. Alimentação inadequada e/ou insuficiente

Um dos maiores instintos de todo animal é sobreviver. Por isso, quando a alimentação é inexistente ou escassa, é natural peixe comendo peixe. Em alguns casos, isso pode custar a vida das espécies menores, mais calmas e indefesas.

Isso explica por que tanta gente, quando volta de viagem, depara-se com um aquário mais vazio do que estava antes de partir. Caso não possa estar presente para alimentar seus peixes todos os dias, duas vezes ao dia, é imprescindível delegar a função para alguém de confiança ou adquirir mecanismos que liberam o alimento aos poucos.

Outro fator de peixe comendo peixe é não adquirir alimentos adequados a cada espécie do aquário. Além da necessidade nutricional, as espécies também são diferentes no que diz respeito ao local do aquário onde se alimentam. 

Enquanto algumas apreendem o alimento na superfície, outras comem no fundo do aquário. Caso isso não seja respeitado, é possível que umas espécies fiquem sem a alimentação de peixe adequada.

peixe betta vermelho

3. Superpopulação no aquário

Assim como a carência de alimentos, a falta de espaço e de oxigênio, decorrentes de aquário lotado, também podem levar um peixe a comer outro peixe. Embora com características bastante distintas das que nosso organismo apresenta, o estresse nos peixes também é responsável por deixá-los em constante estado de alerta.

Além de diminuir a qualidade de vida e enfraquecer a imunidade desses bichinhos, o estresse pode torná-los mais agressivos. Isso pode aumentar as disputas por território no aquário.

Ainda tratando do estresse e da superpopulação, espécies que precisam de esconderijos podem se tornar mais agressivas quando estes não estão disponíveis em quantidade suficiente para todos os peixinhos.

4. Temperamento e hábitos alimentares das espécies

Sem dúvida, este é um dos motivos mais conhecidos de peixe comendo peixe, mas não custa nada reforçar: algumas espécies, como ciclídeos africanos, são carnívoras e agressivas, não devendo ser colocadas com espécies mais tranquilas. Por isso, costumam ser recomendadas apenas para aquaristas experientes.

Outro que tende a se envolver em brigas com indivíduos da mesma espécie é o peixe Betta. Geralmente, indicados para aquaristas de primeira viagem, é comum que os machos entrem em disputas por território ou fêmeas. 

No entanto, o peixe Betta pode conviver com outros peixes, desde que sejam machos, pacíficos e que haja bastante espaço no aquário. Assim, é possível uma boa convivência entre esses pets.

peixe que come outros peixes

Agora que sabe o que fazer em caso de peixe comendo peixe, confira o blog da Petz para outros assuntos sobre bem-estar animal!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *